Opinião

02/11/2021 Última atualização 10H31
Opinião

Recordar quem partiu tratar bem quem vive

Celebra-se hoje, em todo o mundo cristão, o chamado Dia dos Finados, uma data instituída pela Igreja Católica, segundo algumas fontes, desde o século XIII, quando passou a ser oficialmente celebrada, um dia depois da denominada Festa de Todos os Santos, ontem, portanto.

01/11/2021 Última atualização 10H05
Opinião

OGE’2022: invertendo a curva com todos

Depois de vários anos em crescimento negativo e estagnação, temos um documento que reflecte, em rigor, um cenário de esperança para os angolanos. Estou naturalmente a falar da proposta do Orçamento Geral do Estado para 2022 (OGE2022), que o Executivo apresentou na semana passada, como é de Lei, à Assembleia Nacional. Um documento orientador sobre as reais opções da gestão governativa para o próximo ano. E elas são, insisto, de esperança.

01/11/2021 Última atualização 10H05
Opinião

As candidaturas no MPLA

Ao que consta, nenhum dos 18 primeiros secretários provinciais do MPLA foi desafiado e, por isso, por todas as províncias do país há apenas candidatos únicos. É preciso dizê-lo com clareza: isso não é bom para o próprio MPLA nem é bom para o país.

01/11/2021 Última atualização 10H05
Opinião

OGE’ 2022, um novo ciclo

A proposta do Executivo, para com a Lei do Orçamento Geral do Estado 2022, em aumentar a massa salarial para impulsionar o crescimento económico, salvaguardar o rendimento e consumo das famílias, espelha fundamentalmente a preocupação e compromisso para com a inversão da trajectória económica até recentemente observada.

31/10/2021 Última atualização 09H49
Opinião

Não esperar (demasiado), nem desesperar

“No balanço de perdas e danos Já tivemos muitos desenganos (...) Aprendemos muito nesses anos”

31/10/2021 Última atualização 09H45
Opinião

Mais trabalho comunitário e solidário por Angola: o exemplo do Chefe de Estado

A solidariedade e o progresso social são dois valores fundamentais do Estado, consagrados no Artigo 1.º da Constituição da República de Angola. Esses valores encontram-se bem enraizados nas comunidades rurais e urbanas do País e se manifestam pela prática de acções de ajuda mútua para resolução de problemas individuais ou colectivos.

31/10/2021 Última atualização 09H43
Opinião

As boas novas que chegam do Cunene

As últimas informações que chegam do Cunene, relativamente às obras de combate aos efeitos da seca na região, não podiam ser melhores: dentro de quatro meses, se tudo caminhar como até aqui, fica concluído o primeiro projecto, o Sistema de Captação de água no rio Cunene, a partir da região do Cafu.

31/10/2021 Última atualização 09H35
Opinião

In(justiça) por mãos próprias

Domingo, 24 de Outubro do ano vinte, vinte e um. Doze minutos impediam a hora cinco de chegar às seis da matina.

31/10/2021 Última atualização 09H35
Opinião

Tempos conturbados

Os tempos que vivemos, quando se aproximam as próximas eleições gerais, revelam cada vez mais a influência perturbadora das redes sociais quando utilizadas por gente sem escrúpulos.

31/10/2021 Última atualização 09H30
Opinião

Para nos fazer lembrar da vida

Numa pregação durante um funeral, mormente ouvimos os padres ou pastores proferirem palavras não só de consolo a família, mas também conselhos aos presentes no sentido de se tornarem pessoas cada vez melhores e assim perdurar os nossos dias na terra, porque a morte é o destino de todos nós.

30/10/2021 Última atualização 06H25
Opinião

O cancro da mama

As doenças de foro oncológico crescem a uma proporção nunca antes vista, de acordo com estudos, razão pela qual importa que os Estados, as instituições e as famílias estejam preparados para lidar com esta situação delicada.

30/10/2021 Última atualização 06H10
Opinião

A China e o seu legítimo lugar nas Nações Unidas há 50 anos

No dia 25 de Outubro de 1971, a 26ªAssembleia-Geral da ONU aprovou a Resolução 2758 com esmagadora maioria, decidindo restaurar todos os direitos da República Popular da China na ONU, reconhecendo que o representante do Governo da República Popular da China é o único representante legítimo da China na ONU, a qual marcou o regresso do povo chinês, um quarto da população mundial, à arena da ONU. Foi um êxito de grande significado e de longo alcance para a China e o mundo.