Política

Zaire: LIMA mobiliza sociedade para o Censo Geral

Kayila Silvina | Mbanza Kongo

Jornalista

A presidente da Liga da Mulher Angolana (LIMA), no Zaire, Isabel Linda Barros Benjamim, apelou, em Mbanza Kongo, às famílias, igrejas e toda a população a se envolverem no processo de Recenseamento Geral da População e Habitação, a realizar-se a partir do dia 19 do próximo mês de Julho.

17/06/2024  Última atualização 09H21
Responsável da LIMA no Zaire © Fotografia por: Kayila Silvina | Edições Novembro

Isabel Benjamim, que falava na abertura das jornadas alusivas aos 52 anos da fundação da LIMA, que se assinala a 18 deste mês, sublinhou que, para o êxito do Censo, as militantes daquela organização vão intensificar as campanhas de mobilização e sensibilização nos locais de maior concentração, nomeadamente igrejas e mercados nos seis municípios da província.

Para Isabel Benjamim, o Censo de 2024 representa uma mais-valia para o país, na medida em que vai permitir actualizar os dados estatísticos e ser decisivo na elaboração de políticas públicas para a promoção do desenvolvimento sustentável do país.

"O Censo da População e Habitação de 2024 vai permitir ao Governo saber quantos somos e como vivemos, para construir mais escolas, hospitais e criar condições básicas para a população”, destacou.

Para o efeito, aconselhou as mulheres, sendo pilares das famílias, a não se envolverem no mundo das drogas e bebidas alcoólicas, mas sim apostar na formação académica e profissional.

Do programa de actividades agendadas para a data da fundação da LIMA, constam campanhas de sensibilização da mulher para o seu empoderamento, assim como visitas a instituições públicas, unidades sanitárias e religiosas a nível da região para se inteirar sobre o seu funcionamento e de outros problemas que enfermam a sociedade.

De salientar que o braço feminino da UNITA, a LIMA, foi fundada a 18 de Junho de 1972, em Massivi, província do Moxico.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política