Sociedade

Universitários contam com novo cartão de descontos em compras

Engrácia Francisco

Jornalista

Os estudantes universitários contam, desde segunda-feira, com o novo Cartão Nacional de Estudante Universitário (CEU), uma plataforma de inclusão financeira, que vai melhorar o poder de compra destes, através de descontos de até 50 por cento nos produtos.

19/06/2024  Última atualização 09H20
Secretária de Estado para a Ciência e Inovação, Alice de Ceita © Fotografia por: Edições Novembro

Durante o acto oficial de lançamento do projecto, a secretária de Estado para a Ciência, Tecnologia e Inovação, Alice de Ceita, disse que a criação deste cartão de estudante é uma prova do que se pode alcançar quando se alia o conhecimento académico ao espírito empreendedor.

Na ocasião, a secretária de Estado reafirmou a importância da formação em empreendedorismo no subsistema de Ensino Superior, porque ao concluírem a formação, os estudantes têm de estar preparados para ingressar no mercado de trabalho e se tornarem criadores de empregos.

Com o lançamento do Cartão do Estudante Universitário, disse, os jovens revelaram capacidade para identificar uma oportunidade e promover uma mudança positiva na comunidade académica.

De acordo com a secretária de Estado, os cartões de desconto para estudantes podem melhorar significativamente a experiência universitária dos estudantes, oferecendo maior acessibilidade a bens e serviços essenciais.

Para a governante, a Ombala Invest é um dos bons exemplos de como a educação e formação proporcionam aos jovens ferramentas e habilidades necessárias para moldar o futuro.

O projecto

O director executivo da empresa Ombala Invest e mentor do projecto Cartão de Estudante Universitário (CEU) disse que o dispositivo é uma plataforma de inclusão financeira, bancarização e descontos para os estudantes universitários que terá o suporte físico de um único cartão com três funcionalidades: a identidade do estudante, multicaixa e descontos em compras.

Niuka Casimiro explicou que vão poder beneficiar do cartão, os estudantes activos no Ensino Superior. Para fazer a adesão, disse, basta entrar no site "CEU.AO” e fazer a inscrição. Nesta primeira fase, disse, vão ser disponibilizados mil cartões de forma grátis para os primeiros inscritos e podem ser utilizados em três meses.

"O projecto está dividido em duas fases. Na primeira, o cartão será apenas de identidade de estudante universitário nacional e de desconto. No mês de Outubro, que começa o ano lectivo no ensino superior, vamos poder oferecer a parte mais financeira que é a inclusão bancária de alguns estudantes”, esclareceu, acrescentando que a partir de Outubro, o cartão terá um custo de 4 mil kwanzas para adesão.

Beneficiários

A estudante do primeiro ano do curso de Psicologia, no Instituto Superior Politécnico do Cazenga, Felisbina Rocha, foi a primeira a beneficiar do pagamento de um mês de propinas por ser a primeira a inscrever-se no site. "Estou feliz e muito satisfeita. Não contava com isso, apenas tentei e consegui. O cartão é vantajoso porque vai nos ajudar no pagamento de propinas e descontos”, alegou satisfeita.

Lucena Eduardo, estudante do segundo ano de Direito na Universidade Gregório Semedo, acredita que o projecto vai contribuir para o bom aproveitamento dos estudantes. "O projecto está a ser abraçado por todos, uma iniciativa brilhante que vai facilitar a vida dos estudantes universitários, por isso, só tenho de agradecer e apelar à responsabilidade de todos”, disse.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade