Mundo

União Africana anuncia suspensão do Mali

A União Africana (UA) anunciou, na terça-feira (1), à noite, a decisão de suspender o Mali, cenário em Maio de um segundo golpe militar em nove meses.

02/06/2021  Última atualização 09H10
© Fotografia por: DR

A UA "decide suspender imediatamente a República do Mali de participar em todas as actividades da União Africana, órgãos e instituições, até que a ordem constitucional normal seja restabelecida no país", disse o Conselho de Paz e Segurança (CPS) da organização numa declaração, de acordo com a agência de notícias France-Presse.

A UA apelou aos militares malianos para que "regressem urgente e incondicionalmente aos quartéis e se abstenham de qualquer interferência futura no processo político no Mali".

A organização pediu ainda o estabelecimento de condições para o regresso a uma "transição democrática sem entraves, transparente e rápida".

"Caso contrário, o Conselho não hesitará em impor sanções específicas e outras medidas punitivas" contra os que impedem a transição, acrescentou o texto.

A decisão da UA segue-se por alguns dias à da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), que também anunciou a suspensão do Mali das suas instituições.

O país do Sahel experimentou dois golpes de Estado em nove meses.


Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo