Política

UE confirma presença na Bienal de Luanda

A embaixadora da União Europeia em Angola, Jeannette Seppen, confirmou a presença daquela organização, com uma representação de alto nível, na 2ª edição da Bienal de Luanda 2021, que vai debruçar-se sobre temas sobre a paz.

20/06/2021  Última atualização 11H00
Embaixadora da União Europeia em Angola, Jeannette Seppen © Fotografia por: DR
A diplomata deu a garantia, ao falar à imprensa, na quarta-feira, no final de uma audiência concedida pelo coordenador do Comité de Gestão para a Bienal, o embaixador Diekumpuna Sita José, com quem abordou questões relacionadas com as condições que estão a ser criadas por Angola para albergar o evento, em Outubro.

Sappen congratulou-se com as informações recebidas durante a audiência e manifestou "total disponibilidade” em cooperar no sentido de assegurar que, da parte da União Europeia, possa haver uma representação de alto nível, na Bienal de Luanda.
A Bienal de Luanda - Fórum Pan-Africano para a Cultura da Paz em África é uma iniciativa da União Africana, Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura e o Governo de Angola.


Este ano, o evento decorre sob o lema "Artes, cultura e património: alavancas para construir a África que queremos”, cujo objectivo visa fortalecer o Movimento Pan-Africano para uma cultura de paz e não violência.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política