Mundo

Ucrânia: "Vamos vencer. Não vamos dar a ninguém um único pedaço da nossa terra"

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, disse, esta segunda-feira, que a Ucrânia vencerá a guerra frente à Rússia e que o país não irá ceder qualquer território.

09/05/2022  Última atualização 12H35
© Fotografia por: DR
"Só um louco pode repetir o que aconteceu na Segunda Guerra Mundial e todos os que repitam os crimes que ocorreram na época está a imitar a filosofia nazi", disse Zelensky, referindo-se a Putin, num discurso publicado no portal oficial a propósito do dia em que se assinalam os 77 anos do "Dia da Victória contra a Alemanha Nazi"  

"No Dia da Vitória sobre o nazismo, estamos a lutar por uma nova victória. O caminho para isso é difícil, mas não temos dúvidas de que vamos vencer”, acrescentou.

O chefe de Estado da Ucrânia sublinhou ainda que os ucranianos são um povo livre que ao longo da história tem lutado para defender a sua terra e que construiu o seu "próprio caminho”. 

"Hoje estamos a travar uma guerra neste caminho e não vamos dar a ninguém um único pedaço da nossa terra... e não vamos dar a ninguém um único pedaço de nossa história”, acrescentou.

"Estamos orgulhosos dos nossos ancestrais que, juntamente com outras nações da coligação anti-Hitler, derrotaram o nazismo. E não permitiremos que ninguém anexe essa victória, não permitiremos que ela seja apropriada”, sublinhou, reiterando que a Ucrânia irá vencer este conflito.

"Não há algemas que possam prender o nosso espírito livre. Não há ocupante que possa criar raízes na nossa terra livre. Não há invasor que possa governar o nosso povo livre. Mais cedo ou mais tarde, venceremos”, completou.

 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo