Política

Tribunal anuncia julgamento de ex-gestores

O juiz presidente do Tribunal provincial do Moxico, Rivaltino Van-Dúnem, confirmou, sábado, o início do julgamento, nos próximos 60 dias, de cinco ex-gestores implicados em crimes de peculato.

21/06/2021  Última atualização 09H58
© Fotografia por: DR
O magistrado judicial falava à margem de uma conferência provincial promovida pelos estudantes de Direito do Mo-xico, afirmando que os referidos processos já foram distribuídos aos juízes.

Segundo a Angop, entre os arguidos destacam-se o ex-director do gabinete provincial de Educação, Raimundo Ri-cardo, os ex-administradores de Camanongue, Zaqueu Isaac, do Alto Zambeze, Paulino Bumba, e do ex-director do Hospital Geral do Moxico, Manuel Macano. Os ex-gestores estão indiciados nos crimes de peculato, violação do plano de execução do orçamento, associação criminosa, branqueamento de capitais, entre outros delitos económicos.

Não obstante reconhecer a complexidade do processo, o juiz presidente informou que os magistrados judiciais estão a observar os prazos estabelecidos no novo Códi-go do Processo Penal, que define 20 dias para o período de contestação e um mínimo de 15 dias para se marcar a data do início da audiência de julgamento.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política