Gente

Tony da Costa Fernandes, um homem dedicado às artes

Tony da Costa Fernandes é um nome que dispensa apresentação nas lides políticas e da diplomacia. Nacionalista e patriota com uma forte experiência na diplomacia, o seu mais recente desafio é a aposta nas artes.

24/10/2021  Última atualização 10H06
© Fotografia por: Cedida
O diplomata, um verdadeiro "gentleman” agora nas vestes de director do Resiliart-Angola, tem demonstrado que está atento ao movimento cultural nacional e apresenta uma visão realista de como se deve capitalizar as manifestações artísticas e culturais no meio da diplomacia.

A reportagem da Gente esteve com Tony da Costa Fernandes durante a exposição "Water for Life”, uma iniciativa da American Schools Of Angola (ASA), em parceira com a  Organização das Nações Unidas para a Educação, Cultura e Ciência (UNESCO) e Governo de Angola, na realização da II Bienal de Angola-Fórum Pan-Africano para a Cultura de Paz.

A frase "O fim da era do artesanato acabou e é importante que os nossos artistas estejam nos principais museus de arte e palco” mostra a visão deste homem.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Gente