Desporto

Ténis angolano perde Augusto Pinto “Ganino”

O antigo tenista angolano Augusto Pinto “Ganino” faleceu sexta-feira, em Luanda, vitima de doença, soube a Angop.

24/02/2019  Última atualização 10H42

De 71 anos de idade, Ganino, dos melhores executantes da modalidade no país até à década de 1990, actualmente dedicava-se à instrução de novos praticantes no Clube de Ténis de Luanda (CTL).Sem precisar a doença, fonte do CTL disse que o malogrado enfrentava problemas de saúde já há algum tempo, o que lhe dificultava o exercício pleno das actividades.
Augusto Pinto iniciou a prática antes da Independência Nacional e destacou-se na década de 70, período em que começou a tomar parte em competições nacionais e internacionais, tendo conquistado, entre outros, quatro campeonatos provinciais e seis nacionais na década de 80, em representação do Petro, ASA e Sagrada Esperança da Lunda-Norte.
Representou o país, em 1988, no Campeonato Africano de Brazzaville, República do Congo, além de torneios em Portugal (1982, 83 e 84) e em Cabo Verde, numa prova dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) em 1995.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Desporto