Cultura

Talentos mundiais “brilham” na abertura da Expo Dubai

A cerimónia de abertura da Expo Dubai 2020, que acontece amanhã, no Al Wasl Plaza, vai contar com a participação de uma incrível lista de talentos internacionais, regionais e locais, num espectáculo que combinará tecnologia de ponta e performances impressionantes.

29/09/2021  Última atualização 10H05
Angelique Kidjo é uma das cantoras convidadas para abrilhantar a cerimónia de abertura © Fotografia por: DR
O espectáculo de abertura de tirar o fôlego, com duração de 90 minutos, irá mudar a forma como as pessoas ao redor do mundo vêem o Dubai e os Emirados Árabes Unidos, de acordo com Amna Abulhoul, directora Executiva de Criação, Eventos e Entretenimento da Expo 2020 Dubai.

Entre os que vão se apresentar estão o tenor mundialmente famoso Andrea Bocelli, a actriz, cantora e compositora vencedora do Globo de Ouro Andra Day, a cantora e compositora britânica Ellie Goulding, o pianista internacional Lang Lang e Angelique Kidjo, quatro vezes vencedora do Grammy.

Destacando a diversidade criativa e o talento da região, o elenco inclui o "Artista dos Árabes” Mohamed Abdo, a sensação do cantor dos Emirados  Ahlam Alshamsi, o embaixador da Expo 2020 Dubai, Hussain Al Jassmi, o cantor e compositor Almas e a cantora libanesa-americana Mayssa Karaa. Inspirando-se directamente no tema da Expo "Conectando mentes, criando o futuro”, a cerimónia de abertura, segundo os organizadores, levará os espectadores a uma jornada incrível pelos subtemas de oportunidade, mobilidade e sustentabilidade, apresentando os valores enraizados dos Emirados Árabes Unidos e a visão e propósito da Expo, ao mesmo tempo que dá as boas-vindas aos 192 países participantes no mega-evento de forma espectacular.

Nos bastidores, os preparativos reuniram mentes criativas de diferentes geografias, indústrias e origens, incluindo uma talentosa equipa interna de criativos dos emiratenses e internacionais, assim como organizadores de eventos.

A equipa mais ampla é liderada por Scott Givens, produtor executivo e CEO da FiveCurrents, cujos créditos incluem 62 cerimónias, incluindo cerimónias olímpicas, e inclui Franco Dragone, director artístico de produções inovadoras, como "La Perle” e "Cirque du Soleil”, e Jared Sweet, director criativo premiado por trás de cerimónias em seis países.

"Enquanto os holofotes globais brilham nos Emirados Árabes Unidos, esta noite incrível e inesquecível celebrará o espírito colaborativo, criativo e optimista da Expo 2020, demonstrando o nosso compromisso em hospedar um mega-evento que vai encantar o mundo”, afirmou Tareq Ghosheh, director de Eventos e Entretenimento, na página oficial da Expo 2020 Dubai.

"Combinando alguns dos nomes mais procurados no mundo da música, eventos ao vivo e entretenimento com as tecnologias inovadoras e inspiradoras do Al Wasl Plaza, esta é a grande explosão que define o cenário para 182 dias de experiências marcantes e inspiradoras, enquanto convidamos visitantes de todo o planeta para se juntarem à construção de um novo mundo”, disse Tareq Ghosheh.

Disponível para assistir na Expo TV, Virtual Expo e transmitido para uma audi-ência global de milhões em vários canais, a cerimónia de abertura apresentará o impressionante Al Wasl Plaza, incluindo a maior instalação de som envolvente do mundo e a maior instalação de projecção de vídeo combinada do mundo.

A cerimónia de abertura servirá, também, como uma oportunidade importante para demonstrar o compromisso da Expo com a saúde, segurança e bem-estar da sua equipa, participantes e visitantes, pois reúne a comunidade global pela primeira vez desde o início da pandemia.

A realizar-se de 1 de Outubro deste mês a 31 de Março de 2022, a Expo 2020 apresentará o melhor da arte, música, arquitectura, tecnologia e cultura de todo o mundo. A Expo 2020 permitirá que milhões de pessoas vivenciem o mundo num só lugar, explorem novas fronteiras e abracem as oportunidades para o amanhã.


 Angola mostra diversidade cultural no Lusofonia Festival


Banda N’gola, Duo Angola Classical, Gelson Castro, Heróide, Kina ku Moxi, Sara Saka, Andreia Gâmboa, Guilherme Mampuya, Calabeto, Daniel Nascimento, Diva Ary, Marília Alberto, Nanutu Fendes e Nelo Carvalho integram o elenco de Angola para o "Lusofonia Festival” a decorrer durante a Expo Dubai 20202.

Segundo informações do comissariado de Angola na Expo Dubai 2020, a participação angolana na "Lusofonia Festival” vem reforçar o princípio da irmandade e fraternidade entre os países de Língua Portuguesa, homenageando igualmente os 25 anos da organização intercontinental , a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa  (CPLP), no ano em que Angola assume a presidência.

O festival da Língua Portuguesa, refere, é mais um contributo para a divulgação deste idioma, aparentemente desconhecido, mas falado em quatro Continentes, Europa, África, América e Ásia, constituindo verdadeiras pontes de união entres estes povos.
A língua portuguesa tem sido um factor de unidade nos países onde é adoptada como língua oficial, independentemente dos diferentes idiomas nacionais já existentes e que continuam a desenvolver-se como um excelente património cultural.

"Amílcar Cabral, um valoroso intelectual africano, considerou a língua portuguesa como das melhores heranças deixadas pelo colonizador, ao permitir não só a comunicação entre grupos étnicos diferentes, mas ao mesmo tempo facilitar a unificação do ensino”, lê-se no desdobrável.
A Expo Dubai pretende ser uma plataforma para a promoção da criatividade, inovação e cooperação a nível global, facilitando o intercâmbio de ideias e de culturas.

Com o tema geral "Conectando Mentes, Criando o Futuro”, citando o Presidente da República de Angola, na sua mensagem no Livro Oficial do Pavilhão de Angola, "a Expo Dubai  2020 tem como objectivo lançar pontes para um diálogo entre nações, ciente de que, num mundo fortemente interligado, é na colaboração entre os povos que residem as soluções para a preservação do planeta e do futuro da Humanidade”.

Angola faz-se representar na magnífica exposição integrando o subtema geral "Oportunidade”, considerando tratar-se de um país com uma população maioritariamente jovem ,tendo escolhido para tema do seu pavilhão, "Conectar com a Tradição para Inovar” e o slogan "Da Tradição à Inovação”, o que nos permite não esquecer a cultura dos nossos antepassados em que assenta o nosso conhecimento, mas ao mesmo tempo integra-la na modernidade e na diversidade, buscando soluções para os problemas actuais e futuros.
António Bequengue


Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura