Economia

Stock da dívida pública desce para 132,4 por cento em Cabo Verde

O stock da dívida pública cabo-verdiana desceu, até Setembro, para o equivalente a 132,4 por cento do Produto Interno Bruto (PIB) estimado para 2022, segundo o relatório provisório da execução orçamental a que a Lusa teve ontem acesso.

29/11/2022  Última atualização 12H23
Stock da dívida pública desce para 132,4 por cento em Cabo Verde © Fotografia por: DR

De acordo com o documento, do Ministério das Finanças, o 'stock' da dívida pública de Cabo Verde chegou no final de Setembro aos 2.691 milhões de euros (298.964 milhões de escudos), um novo valor máximo absoluto, quando em Agosto passado rondava os 2.682 milhões de euros (298.022 milhões de escudos).

Em Julho, esse 'stock' equivalia a 152,2 por cento do PIB, sendo a queda na estimativa de Agosto e agora de Setembro justificada pelo Governo com o redimensionamento da base da estimativa do PIB, face às novas previsões de crescimento económico.

Em termos homólogos, o 'stock' da dívida pública cabo-verdiana aumentou 10,4 por cento face aos 2.437 milhões de euros em Setembro do ano passado, então equivalente a 137,6 por cento do PIB de 2021.

Esse 'stock' atingiu ainda no final de Dezembro passado um recorde de 2.523 milhões de euros, equivalente a 157,1 por cento do PIB estimado para 2021.

O Governo cabo-verdiano estima baixar o rácio do 'stock' da dívida pública para 150,9 por cento do PIB em 2022, conforme prevê o Orçamento do Estado, depois dos 155,6 por cento em 2020, devido aos efeitos económicos da pandemia de Covid-19.

Em Setembro, a dívida pública contraída internamente valia o equivalente a 41,4 por cento do PIB cabo-verdiano (41,9 por cento em Setembro de 2021), aumentando para mais de 842,5 milhões de euros (93.606 milhões de escudos), enquanto a dívida externa fixou-se em 90,9 por cento (95,6 por cento em 2021), em quase 1.848 milhões de euros.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia