Regiões

Situação da criança é prioridade no Bengo

Alfredo Ferreira / Caxito

Jornalista

O Governo do Bengo prioriza todos os projectos que visam melhorar as condições sociais das crianças, como os de construção de escolas e unidades de saúde, assegurou, esta quarta-feira, no Panguila, município do Dande, a governadora provincial.

01/06/2022  Última atualização 14H32
Governadora distribuiu brinquedos a mais de 400 crianças © Fotografia por: EDMUNDO EUCÍLIO | EDIÇÕES NOVEMBRO

Mara Quiosa falava no acto provincial do 1 de Junho, Dia Internacional da Criança, que decorreu no complexo turístico Cais do Panguila, e sublinhou que a maior parte dos empreendimentos sociais inaugurados nos últimos anos, foram construídos em benefício das crianças.

Referiu que uma das grandes apostas do Governo é o Programa de Transferências Monetárias "KWENDA”, que tem contribuído para o bem-estar social das famílias vulneráveis, integradas por milhares de crianças, que são as principais beneficiárias.

Preocupada com a exploração infantil, a governadora do Bengo garantiu, na ocasião, que tudo está a ser feito para que este mal seja eliminado do seio da sociedade benguense. Avançou que o Governo traçou várias políticas que podem acabar com esta prática, que em nada contribui para o desenvolvimento da criança.

"A fuga a paternidade é um dos principais problemas. Só neste ano já registamos um total de 198 casos. Com isso, muitas crianças ficaram sem o controle efectivo dos pais. Mas o nosso Gabinete de Acção Social, Família e Igualdade do Género trabalha no sentido de obriga-los a assumirem a paternidade, e garantirem o bem-estar social dos seus filhos”, disse.

No complexo turístico Cais do Panguila, a governadora do Bengo distribuiu brinquedos a mais de 400 crianças, provenientes dos seis municípios que compõem a província, por ocasião do 1 de Junho (Dia Internacional da Criança). 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões