Sociedade

SIC devolve carteiras escolares e motorizadas roubadas

Carlos Paulino | Menongue

Jornalista

O Serviço de Investigação Criminal (SIC) fez a entrega, terça-feira, em Menongue, província do Cuando Cubango, de 130 carteiras escolares e cinco motorizadas de diversas marcas, furtadas ou roubadas recentemente.

24/11/2022  Última atualização 09H05
© Fotografia por: DR

Durante a actividade, que decorreu no âmbito das comemorações do 47º aniversário do SIC, a assinalar-se no próximo dia 28, foram, também, entregues dois televisores plasma, uma geleira, quatro mesas escolares, seis panelas e quatro cadeiras plásticas.

Em declarações à imprensa, o porta-voz do SIC, Paulo Dias de Novais, informou que os meios estavam em posse de 23 indivíduos, detidos por crimes de furto e roubo, na sequência de denúncias dos proprietários.

Paulo Dias de Novais anunciou que o SIC vai, nos próximos dias, fazer a entrega de mais meios, que haviam sido furtados ou roubados, no município de Menongue. 

Lamentou o facto de se registar, nos últimos tempos, muitos casos de furto e vandalização de mobiliário escolar, sobretudo carteiras, que são levadas para uso em residências, igrejas, postos médicos, entre outros locais.

Recordou que, recentemente, o SIC recolheu mais de 300 carteiras e mesas escolares em residências, igrejas e outros estabelecimentos, que já foram restituídos ao Gabinete Provincial da Educação.

Fez saber que, nos últimos dias, regista-se, também, de forma frequente, o roubo de motorizadas no município de Menongue, sendo as principais vítimas moto-taxistas.

Acrescentou que, desde Janeiro, quatro moto-taxistas perderam a vida, em consequência deste tipo de crime.

O director municipal da Educação, Manuel António, agradeceu a pronta intervenção dos efectivos do SIC, que têm estado a ajudar a recuperar os meios roubados em escolas e desencorajar este tipo de prática, com a detenção dos marginais.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade