Política

Sérgio Luther defende mais atenção aos ex-militares

O primeiro secretário provincial de Luanda do MPLA, Sérgio Luther Rescova, defendeu, ontem, que se continue a dar atenção especial aos antigos combatentes da luta de libertação nacional por terem contribuído para a proclamação da Independência Nacional, a 11 de Novembro de 1975.

02/02/2020  Última atualização 10H44
Dr

“A lei reserva a esses uma atenção especial e, a nível das medidas do Estado, devere-mos, cada vez mais, prestar atenção a essa classe que muito merece”, defendeu o governador, durante um acto político que antecedeu a uma palestra sobre o 4 de Fevereiro de 1961, data que marca o início da luta armada de libertação nacional. Sérgio Luther disse ainda que esta atenção deve ser estendida aos descendentes dos antigos combatentes, sendo eles continuadores daquilo que foi a bravura dos heróis.
A luta armada de libertação nacional, lembrou, envolveu muitos nacionalistas, destacando-se aqueles que, nos vários movimentos, a nível dos bairros de Luanda e não só, já faziam o trabalho em prol da Independência.
O político recordou que a notoriedade que o acto heróico do 4 de Fevereiro ganhou resultou numa lembrança permanente. “Por isso, ao entoarmos o nosso Hino Nacional, começamos por afirmar que nunca nos esqueceremos dos heróis do 4 de Fevereiro”, sublinhou.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política