Sociedade

Sequele promove combate ao lixo

A Administração do Distrito Urbano do Sequele vai desenvolver, a partir de amanhã, um programa de eliminação dos principais focos de lixo identificados nos 16 bairros circunscritos àquela zona do município de Cacuaco, anunciou ontem o seu administrador adjunto para a área técnica.

13/09/2019  Última atualização 07H00
Dr

Evandro Paim disse ao Jornal de Angola que o programa, que arranca amanhã, faz parte de uma estratégia da administração que visa a realiza-ção, uma vez por mês, de uma vasta campanha de limpeza, por forma a ter-se uma zona mais saudável, mais limpa e mais arborizada.

O responsável explicou que o programa surge do facto de a administração ter noção de que o lixo é um dos principais males que concorrem para impedir o bem-estar dos moradores, originando o aumento de mosquitos e, consequentemente, a manutenção de doenças como a malária e a dengue.
Evandro Paim referiu que, para amanhã, está programado, além da limpeza, uma mega campanha de sensibilização e de plantação de árvores, que decorre sob o lema “Cidade Ecológica”.
Segundo o administrador adjunto, a campanha deve contar com a participação de moradores e de lojistas, da empresa de recolha de resíduos Rota Ambiente e de técnicos da administração, sendo que essas duas estruturas deverão disponibilizar ma-teriais de limpeza como pás carregadoras, tractores, ca-miões, carros de mão, sacos, enxadas e vassouras.
A ideia, disse, é fazer com que cada morador contribua, limpando os resíduos ao redor da sua residência ou edifício, por forma a ajudar a melhorar a imagem da centralidade, tendo revelado que, além do lixo e do capim, troncos e folhas secas que crescem em árvores ao redor dos edifícios da cidade do Sequele e em toda a dimensão do distrito vão ser igualmente alvos da campanha.
O responsável avançou que está já programada, nos próximos dias, uma campanha de fumigação, para afugentar os mosquitos que se escondem e reproduzem nessas árvores.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade