Política

Revista da Semana

Sábado 8 de Dezembro   O Presidente da República, João Manuel Gonçalves Lourenço, deixa o país com destino a Maputo, para uma visita privada de alguns dias.

16/12/2018  Última atualização 12H45
Edições Novembro

 

   Angola e a República do Congo analisam, em Brazzaville, a cooperação militar, num encontro entre o embaixador Vicente Muanda e o ministro congolês da Defesa Nacional, Charles Richard Mondjo.
    Os participantes no XIX Conselho Consultivo do Ministério dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria (MACVP) recomendam em Saurimo (Lunda Sul), que se priorize a conclusão das obras de reabilitação e apetrechamento dos centros de restituição física. 
       
 Domingo 9 de Dezembro

 O Hospital Distrital do Sequele, município de Cacuaco, recebe meia tonelada de medicamentos, doados pelo empresário Bento dos Santos "Kangamba".
  A parceria entre empresários angolanos e   moçambicanos é praticamente nula, se  comparada à que existiu nos últimos dez anos nos ramosda exportação, hotelaria e  turismo, considerou, em Ondjiva, a  consultora em género e desenvolvimento  Helena Zefenias Lowe.
  O pároco da diocese de Ondjiva (Cunene), Severino Hissekwa, manifesta o seu apoio à "Operação Resgate", desenvolvida pelo Executivo, visando a moralização da sociedade.

Segunda-feira 10 de Dezembro

 O Presidente da República, João Lourenço, autoriza a abertura de um concurso público para a aquisição de medicamentos, meios e dispositivos médicos, a decorrer na plataforma do Sistema Nacional de Contratação Pública Electrónica, no valor global de oito mil milhões de euros, (848 milhões e 108 mil kwanzas).
  A venda de diamantes da mina de Lulo em leilão, marcada para Janeiro próximo, constitui uma iniciativa que reforçará o compromisso com a inovação e  transparência na indústria diamantífera junto da sociedade civil e da comunidade empresarial.
  Um memorando de entendimento é assinado em Luanda entre o Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher (MASFAMU) e a ONG Ajuda de Desenvolvimento de Povo para Povo  (ADPP), com o objectivo de reforçar os projectos relacionados com o desenvolvimento comunitário no país.
 
  Terça-feira 11 de Dezembro

Uma equipa técnica é constituída no Cairo (Egipto), para rever os acordos de cooperação comercial entre Angola e  Egipto, que remontam a 1983, tendo em conta o novo contexto económico dos dois países.  
  O Banco Nacional de Angola (BNA) aumenta a remuneração da “Bankita a Crescer”, uma conta de depósito a prazo, ao passar a taxa de juro de sete para 12,5 por cento ao ano. 
  Duzentas e cinquenta mil toneladas de sal  é a quantidade que o país necessita por ano para cobertura de consumo humano e das indústrias, informou no município da Baía-Farta (Benguela), o director nacional de produção e iodização do sal, Osvaldo Costa.

Quarta-feira 12 de Dezembro
 
A selecção nacional sénior feminina de andebol sagra-se campeã africana pela 13ª vez, ao derrotar o Senegal, por 19-14, na final da 23ª edição do campeonato continental que decorreu no Congo Brazzaville.
O Presidente da República, João  Lourenço, felicita a selecção nacional sénior feminina de andebol, pela conquista do 13º título africano.
A União Europeia (UE) confirma o financiamento de 14 milhões de euros  para apoiar o projecto de registo de nascimento "identidade e justiça para crianças" no país, desenvolvido pelo Ministério da Justiça e dos Direitos Humanos com apoio de parceiros internacionais.
     
Quinta-feira 13 de Dezembro
 
A agência de rating “Moody's considera que o acordo entre Angola e o Fundo Monetário Internacional (FMI) é positivo para a qualidade do crédito, porque equilibra a posição externa, consolida as finanças públicas e acelera as reformas estruturais.  
 O sector dos petróleos prevê a manutenção  dos níveis de produção no país, mantendo-os em 1,49 milhões de barris/dia, no âmbito do cumprimento do Plano de Desenvolvimento Nacional (PDN), para o quinquénio 2018/2022.
 A embaixadora dos Estados Unidos da América (EUA) em Angola, Nina Maria Fite, reitera no município do Lucapa, província da Lunda Norte, o apoio ao esforço do Executivo angolano no combate à corrupção e ao branqueamento de apitais.
 
Sexta-feira 14 de Dezembro

 O Parlamento dá "luz verde" para o Governo executar, a partir de Janeiro de 2019, o Orçamento Geral do Estado (OGE), avaliado em 11,3 biliões de kwanzas, com votos contra da UNITA e CASA-CE e abstenção da FNLA e PRS, que chamaram para a "Casa das Leis" a liberdade e o  poder de fiscalizar as acções do Executivo.
 A comissária africana para os Direitos Humanos e dos Povos, Maria Teresa Manuela, declara que Angola vive uma maior abertura no domínio dos Direitos Humanos desde a ascensão de João Lourenço a Presidente da República.
 A petrolífera angolana Sonangol, EP, assina um memorando de entendimento com a Exxon Mobil, para exploração de petróleo na bacia do Namibe.
   O presidente da Assembleia Nacional, Fernando da Piedade Dias dos Santos, informa, que a discussão do pacote legislativo sobre autarquias será o principal desafio do Parlamento em 2019.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política