Política

Reafirmada parceria com a Igreja Católica

A ministra de Estado para a Área Social, Carolina Cerqueira, reafirmou, segunda-feira, em Roma, a parceria “mutuamente vantajosa” entre o Estado angolano e a Igreja Católica nos vários domínios sociais, em beneficio das populações vulneráveis.

28/07/2021  Última atualização 06H15
Carolina Cerqueira visitou a Embaixada no Vaticano © Fotografia por: Kindala Manuel | Edições Novembro
Carolina Cerqueira, que participa, na capital italiana, na pré-Cimeira sobre Sistemas Alimentares, encontrou-se, à margem deste evento, com o embaixador de Angola junto da Santa Sé, Paulino Baptista, com quem abordou, entre outros assuntos, as relações entre o Estado angolano e a Santa Sé.

A ministra de Estado referiu que a Igreja Católica tem sido um parceiro  importante na assistência social, educação e saúde das populações vulneráveis, bem como na defesa dos direitos humanos. A ministra defendeu ainda a implementação integral do Acordo-Quadro entre Angola e a Santa Sé, em vigor desde 21 de Novembro de 2019, para o reforço da cooperação, sobretudo nos do-mínios da educação, saúde e assistência às populações nesta altura em que a Covid-19 tem desestruturado o tecido social nacional.

Angola, acrescentou Carolina Cerqueira, através da diplomacia, deve intensificar iniciativas com o Estado do Vaticano no que diz respeito à cultura da paz, que o país já conseguiu a nível nacional,como na pacificação da região austral e central do continente africano e no âmbito da CPLP(Comunidade dos Países de Língua Portuguesa).

Angola e Itália

A secretária de Estado das Relações Exteriores, Esmeralda Mendonça, abordou, ontem, com a vice-ministra dos Negócios Estrangeiros e Cooperação da Itália, Marina Serenni, aspectos relacionados com o reforço da cooperação entre os dois países nos mais variados domínios.

Durante o encontro, à margem da pré-Cimeira da FAO sobre os Sistemas Alimentares, as duas entidades reafirmaram a vontade de reforçar a cooperação.

Esmeralda Mendonça ressaltou o interesse de Angola reforçar as relações com a Itália no domínio económico, tendo reafirmado o convite à classe empresarial italiana a explorar as oportunidades de negócios e de investimentos que o mercado angolano oferece.

Acordaram em promover um maior diálogo entre as classes empresariais dos dois países, que poderá ser facilitado pela acção das Câmaras de Comércio existentes, bem como através de fóruns de negócios Angola e Itália.




Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política