Política

Quintino Moreira marcha no Namibe com apoiantes

O partido Aliança Patriótica Nacional (APN) realiza hoje e domingo, no Namibe, uma marcha de apoio à candidatura de Quintino Moreira à liderança do país, seguida de acto político de massas, visando sensibilizar os militantes para votarem no seu partido.

06/08/2022  Última atualização 08H45
© Fotografia por: DR

O secretário-geral do partido, Pedro Vica, disse que o comício vai ser liderado pelo presidente Quintino Moreira.  

Pedro Vica disse que, em caso de vitória nas Eleições Gerais marcadas para 24 deste mês, a APN defende uma política que assegure a efectiva emancipação da mulher, garantindo igualdade de oportunidades em todos os sectores da vida social.

O programa de governação da APN, a que o Jornal de Angola teve acesso, aposta ainda na atribuição de um subsídio de maternidade para todas as mulheres desde a gestação, criando condições de acesso à Saúde, Educação, moradia, alimentação e vestuário.

Em relação à criança , o programa de governação visa, entre outros objectivos, a promoção de uma política de atendimento à criança em idade pré-escolar, em especial às crianças economicamente desfavorecidas, deficientes físicos e mentais, e àquelas crianças em conflito com a lei, às abandonadas, às vítimas de maus-tratos e abusos sexuais.

 A APN pretende ainda prestar particular atenção à reabilitação sensorial, psicomotora e social das crianças vítimas da guerra, em particular, as instrumentalizadas, criando centros de reeducação, para atender as crianças desprovidas de atenção e de convívio familiar.

Um dos desafios que consta do manifesto eleitoral do partido, liderado por Quintino Moreira, é uma melhor distribuição de terras, criação do seguro agrícola privado que proteja a produção dos agricultores, assim como uma maior aposta no agronegócio.

No seu programa, a APN pretende consolidar um Estado descentralizado e desconcentrado, baseado em uma nova capital política administrativa e uma capital económica, que assenta em visões geopolíticas e geoestratégicas.

André da Costa e Analtino Santos   

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política