Política

Província de Malanje ganha novas estradas

Um total de 222 quilómetros de estradas  asfaltadas foram inauguradas na segunda-feira, na província de Malanje, pelo ministro da Construção e Obras Públicas, Manuel Tavares de Almeida, no âmbito das comemorações do 58.º aniversário da data que marcou o início da Luta Armada de Libertação Nacional.

06/02/2019  Última atualização 08H53
DR

O ministro inaugurou os troços rodoviários entre Luca-la e Cacuso e entre Cacuso a Malanje, na Estrada Nacional (EN) 230, numa extensão  de 136 quilómetros que tem um ponto de intersecção com a EN 322, que liga ao município de Calandula, passando pela comuna de Suqueco (Cacuso).
As estradas, com dez me-tros de largura e duas faixas de rodagem e com sinalização horizontal e vertical, tiveram as obras iniciadas em 2016 e estiveram a cargo das empresas Cibtec e Carmom, tendo gerando 709 postos de trabalho. A reabilitação da estrada entre Cacuso e Malanje custou 60 milhões de dólares aos cofres do Estado.
Manuel Tavares de Almeida inaugurou igualmente os troços rodoviários que ligam o município de Mucari a Cambundi Catembo, em direcção aos municípios de Luquembo e Quirima, na EN 160, numa extensão de 80 quilómetros.
O ministro da Construção reinaugurou o troço entre Mucari e Talamungongo, cujas obras estiveram a cargo da empresa Transtec, bem como a via que liga o desvio da Missão do Mussolo à co-muna de Dumba Cabango, na sede municipal de Cambundi Catembo, num percurso de 43 quilómetros cada. Ao todo, as obras dos dois troços criaram 398 empregos directos e indirectos.
Manuel Tavares de Almeida garantiu que o Executivo vai continuar a reabilitar as estradas nacionais para facilitar a ligação interprovincial e im-pulsionar o desenvolvimento socioeconómico da província e do país em geral. O ministro solicitou aos utentes dos tro-ços inaugurados para a sua conservação e prudência para evitarem acidentes.
O ministro disse constar nas prioridades do sector a ligação viária entre Malanje e Saurimo, por se tratar de um importante eixo de desenvolvimento económico e social.
O governador provincial de Malanje, Norberto dos Santos “Kwata Kanawa” disse que a reabilitação das estradas vai atrair investimentos para a região do Songo, com forte tradição no cultivo de arroz.
Norberto dos Santos reconheceu o empenho de todos os que prestaram o seu contributo para que a reabilitação das  vias de acesso fosse uma realidade. Além da região do Songo, Norberto dos Santos apontou  a necessidade de reabilitação das estradas de Cahombo e Sautari (Quirima).
O soba de Cambundi-Catembo, Manuel António, mostrou-se satisfeito com a asfaltagem, que permite reduzir o tempo de percurso.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política