Sociedade

Provedora de Justiça aborda direitos da sociedade civil com membros da Mosaiko

JA Online

A Provedora de Justiça, Florbela Rocha Araújo, recebeu em audiência, nesta quarta-feira, 14 de Setembro, os responsáveis da instituição filantrópica voltada para a salvaguarda dos direitos humanos e cidadania, o Instituto Mosaiko.

14/09/2022  Última atualização 22H43
© Fotografia por: Cedida

A reunião, que decorreu no âmbito das acções de auscultação e colaboração com a sociedade civil, promoveu uma troca mútua entre o director-geral do Mosaiko, Frei Candeeiro, que fez chegar as preocupações à Provedoria da Justiça.

 

O responsável da Mosaiko, apelou para os temas como o respeito pela dignidade, a reforma e o acesso à justiça, a morosidade dos processos judiciais e a necessidade de maior apoio às organizações da sociedade civil. 

 

Florbela Araújo assegurou que a Provedoria de Justiça está aberta a estabelecer parcerias que tenham como objectivo a garantia dos direitos e liberdades dos cidadãos e a prossecução do interesse nacional, referindo-se, de igual modo, às atribuições, responsabilidades e competências do Provedor de Justiça na relação com as instituições públicas e os cidadãos. 


Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade