Regiões

Promovida campanha contra a sinistralidade

Nicolau Vasco

A JMPLA promove, desde a semana finda, na província do Cuando Cubango, uma campanha contra a sinistralidade rodoviária, devido ao número de acidentes que tende a aumentar.

18/04/2022  Última atualização 12H00
Mototaxistas sensibilizados a respeitar o Código de Estrada © Fotografia por: Nicolau Vasco | Edições Novembro | Cuando Cubango
Segundo o chefe de Secção de Viação e Trânsito e Segurança Rodoviária (SVTSR), subinspector Manuel Salvador, durante o primeiro trimestre do corrente ano, foram registados 61acidentes de viação na província do Cuando Cubango, que deixaram nove mortos e 82 feridos.

Acrescentou que o excesso de velocidade, manobras perigosas, travessia em locais proibidos e consumo de álcool durante a condução estão entre as principais causas dos acidentes.

Segundo o subinspector Manuel Salvador, mototaxistas estiveram envolvidos na maior parte dos acidentes, pelo facto de muitos não conhecerem o Código de Estrada, uma situação que continua a preocupar as autoridades policiais e governamentais.

De Janeiro a Março do corrente ano, referiu, a Secção de Viação e Trânsito e Segurança Rodoviária apreendeu 433 motorizadas. 

A campanha contra a sinistralidade rodoviária conta com a participação de mais de 200 jovens, segundo o primeiro secretário provincial da JMPLA.

 Severino Sawanda disse que a campanha visa sensibilizar os automobilistas e mototaxistas no sentido de respeitarem o Código de Estrada, usarem capacete, bem como evitarem o consumo de álcool antes ou durante a condução, para reduzir os acidentes de viação, que, diariamente, causam vítimas humanas e destroem várias infra-estruturas sociais.

Lembrou que, no âmbito das Jornadas Abril Jovem, estão, também, agendadas actividades desportivas, culturais, recreativas, políticas, workshops, entre outras.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões