Economia

Produção agrícola cresce 5,6 por cento nos últimos dois anos

O sector agrícola em Angola cresceu a uma taxa média anual de 5,6 por cento nos últimos dois anos, de acordo com dados do Ministério da Agricultura Florestas, divulgados ontem durante um encontro entre o ministro António Francisco de Assis, e jornalistas nacionais e estrangeiros.

21/11/2023  Última atualização 06H20
© Fotografia por: Edições Novembro

Durante o período em análise, a produção agrícola foi fortemente impulsionada pelo sector familiar, que envolveu quase dois milhões de famílias, representando cerca de 90 por cento, e também por 5.800 empresas.

O resultado dessa expansão foi a produção de três milhões 187 mil e 951 toneladas de cereais, nomeadamente milho, massango, massambala, arroz e trigo, um volume que representou um crescimento de aproximadamente 11,1 por cento em relação ao período anterior. As principais províncias produtoras foram Huambo (27,9%), Cuanza-Sul (23,1%), Bié (16,3%), Benguela (11,2%) e Huíla (8,5%), onde os referidos cereais foram colhidos numa área de dois milhões 903 mil e 446 hectares.

Com uma produção de 12 milhões 922 mil e 711 toneladas, o sector de raízes e tubérculos (composto por mandioca, batata rena e batata-doce) liderou a produção nacional total, que ocorreu numa área de um milhão e sete mil e 532 hectares, nas províncias do Uíge, Malanje, Cuanza-Sul, Moxico e Lunda Sul.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia