Economia

Preços estáveis após injecção de stocks

Os preços do petróleo permaneceram estáveis no mercado de futuros, com o barril de West Texas Intermediate (WTI) a operar a 78,5 dólares, ontem, um dia depois de os Estados Unidos. Índia e Reino Unidos terem anunciado uma injecção coordenada de 56,5 milhões de barris das suas reservas estratégias.

25/11/2021  Última atualização 10H15
Preços permanecem estáveis depois da injecção coordenada © Fotografia por: DR
Com a decisão, tomada pelos três para reduzir os preços, os Estados Unidos injectam 50 milhões de barris, a Índia cinco milhões e o Reino Unido pode libertar o equivalente a 1,5 milhões de barris.Os preços do WTI ficaram estáveis em cerca de 78,5 de dólares por barril depois de subirem mais de 2,0 em desafio à injecção coordenada do stock de petróleo de reservas estratégicas liderada pelos Estados Unidos.

A Casa Branca disse que a medida foi coordenada com os governos da China, Japão, Coreia do Sul, Reino Unido e Índia, acrescentando que o esforço coordenado é o primeiro do tipo e deve ser visto como um aviso aos países da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) para aumentarem a produção, visando controlar o aumento dos preços do combustível.

Ontem, o Governo chinês confirmou que vai recorrer às reservas de petróleo para tentar baixar os preços do combustível. "A China, face às suas necessidades e condições actuais, utilizará as suas reservas nacionais de petróleo bruto e tomará outras medidas necessárias para manter a estabilidade no mercado”, disse o porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros da China, Zhao Lijian, em conferência de imprensa.

Os Estados Unidos declaram que a a medida representa um esforço para baixar os preços da gasolina e deter o aumento da inflação.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia