Política

PR consternado com a morte de Abdelaziz Bouteflika

O Presidente da República, João Lourenço, manifestou este sábado (19) tristeza e consternação pelo falecimento, por doença, de Abdelaziz Bouteflika, antigo Presidente da República da Argélia “e figura notável da luta de libertação anti-colonial desse território magrebino”.

19/09/2021  Última atualização 02H40
Antigo Presidente da República da Argélia © Fotografia por: DR

Em mensagem de condolências enviada ao Presidente argelino, Abdelmadjid Tebboune, o Chefe de Estado angolano destaca que "a sua partida deixa um lastro de tristeza no seio da sociedade argelina, sendo lembrado sobretudo pelos combatentes da sua geração pela valentia e coragem, qualidades que lhe permitiram desempenhar, na pós-Independência, funções relevantes no aparelho de Estado da República Democrática e Popular da Argélia”.

"Exprimo profundas condolências ao Governo, ao Povo e à família enlutada, convicto de que o legado de Abdelaziz Bouteflika continuará a inspirar as gerações de patriotas da nação argelina”, lê-se na mensagem do Presidente João Lourenço.

 Trajectória

Abdelaziz Bouteflika foi um dos líderes da Revolução Argelina. Com a libertação da Argélia serviu como Ministro das Relações Exteriores entre 1963 a 1979. Presidiu, igualmente, a Assembleia Geral das Nações Unidas.

Como Presidente da República conduziu o fim da Guerra Civil da Argélia em 2002 e do Estado de Emergência em 2011.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política