Regiões

População solicita obras na via de acesso a Nehone

A população da comuna de Nehone, município do Cuanhama, Cunene, pede a reabilitação urgente da estrada que dá acesso à localidade, uma das principais zonas de produção da província, visando melhorar a circulação de pessoas e bens.

24/11/2019  Última atualização 23H15
Dr

Essa preocupação foi manifestada durante uma visita de dois dias do governador do Cunene, Vigílio Tyova, com o objectivo de se inteirar das dificuldades da população, que aponta o mau estado da estrada como principal entrave ao crescimento da região.
O soba de Nehone, Benjamim Sadifange, disse que os 57 quilómetros que ligam a cidade de Ondjiva à sede comunal continuam à espera da reabilitação. “É penoso percorrer os 57 quilómetros entre Ondjiva e Nehone, uma vez que a estrada, de terra batida, está bastante esburacada e no tempo de chuva a circulação se torna ainda mais complicada e perigosa”, afirmou.
A autoridade tradicional disse que a via está totalmente esburacada, dificultando a vida dos habitantes da comuna de Nehone, que dependem dela para levar os produtos do campo aos mercados.
A habitante Cláudia Ndihakalunga disse que o mau estado da via de acesso à comuna está a impedir o desenvolvimento social e económico, porque desencoraja os empresários a investir na localidade.

Terraplanagem

O governador Vigílio Tyova prometeu a mobilização de equipamentos de terraplanagem para o melhoramento da via. “O problema da estrada que liga a comuna de Nehone à cidade de Ondjiva vai ser resolvido, dentro de pouco tempo”, garantiu.
Vigílio Tyova disse que o Cunene recebeu do Ministério da Construção e Obras Públicas um kit de máquinas, destinado à manutenção das vias rodoviárias na província, que vão permitir efectuar trabalhos de manutenção de todas as vias de acesso às comunas, para facilitar a circulação de pessoas e bens.
A reabilitação da estrada, acrescentou, será prioridade, dentro do Programa Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM), uma vez que o mesmo vai facilitar a reabilitação e construção de diversas infra-estruturas. “Vamos melhorar a estrada em pouco tempo, para permitir que a população de Nehone possa circular e escoar a mercadoria em condições adequadas”, disse.
No encontro que Vigílio Tyova manteve com a população de Nehone foram ainda apresentadas preocupações relacionadas com os sectores da Saúde, Educação, energia eléctrica e água potável, falta de sinal de rádio e de televisão, serviços de registo civil e identificação, bem como a ausência de transportes públicos.
O governador realçou que o Governo está preocupado com a melhoria das condições de vida da população, o que passa, necessariamente, pela requalificação das vias principais, secundárias e terciárias.
Outras preocupações apresentadas referem-se à fome, seca e a falta de subsídios aos antigos combatentes e veteranos da pátria.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões