Sociedade

PIIM leva asfalto à vila da Humpata

Domingos Mucuta | Lubango

Jornalista

As principais ruas da vila da Humpata, município satélite da Huíla, têm agora uma nova imagem por conta da execução do Projecto de Asfaltagem da Sede Municipal em curso na zona urbana.

07/09/2021  Última atualização 06H35
Novas vias estão a ser abertas no município da Humpata para facilitar a circulação rodoviária © Fotografia por: Daniel Benjamim | Edições Novembro
As obras de reabilitação, financiadas no âmbito do Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM), estão orçadas em cerca de 630,7 milhões de Kwanzas.


A directora do Gabinete de Estudo Planeamento e Estatística, Lucinda Chocolate, informou que a primeira das obras do casco urbano abrange uma extensão de 5.8 quilómetros.

 Disse que os trabalhos, a cargo de uma empreiteira local, decorrem a ritmo normal, com a conclusão prevista para a primeira quinzena de Outubro, um ano depois do contrato de consignação.


A responsável explicou que o projecto de asfaltagem abrange a abertura de novas vias até ao novo edifício sede da administração municipal da Humpata e valas de drenagem de águas pluviais, além de sinalização vertical e horizontal.
A directora do GEPE sublinhou que as obras, alinhadas com o Plano de Desenvolvimento Nacional (PDN), visam melhorar a circulação dentro da vila da Humpata, conferir dignidade e conforto aos munícipes e visitantes.

Referiu que a próxima fase do projecto, que arrancará quando houver disponibilidade financeira, incidirá sobre a reabilitação das ruas da parte norte da vila, atravessada pela Estrada Nacional 280, entre Lubango e Namibe.
Lucinda Chocolate revelou que, além desta intervenção no casco urbano do PIIM, haverá a terraplanagem de 42 quilómetros das estradas secundárias e terciárias.


Precisou ainda que estão concluídos os trabalhos de terraplanagem de 11.7 no troço sede municipal e Alto Bimbi, numa altura em que decorrem intervenções de 20 quilómetros entre Caholo e Bata Bata e nove entre Vila e as Neves.  

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade