Política

PGR admite que Pedro Lussaty não agiu sozinho

A Procuradoria Geral da República (PGR) admitiu que o major Pedro Lussaty, detido com elevadas somas de dinheiro pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC), não agiu sozinho.

01/06/2021  Última atualização 20H38
© Fotografia por: DR

Em declarações esta noite à TPA Hélder Pitta Grós adiantou que a PGR está a trabalhar para, nos próximos dias, esclarecer este caso, revelando outros nomes envolvidos no escândalo financeiro.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política