Cultura

Peça “O Divórcio não é a Solução” assinala 13 anos de teatro

Amilda Tibéria

O grupo teatral 1º de Maio encena hoje e amanhã, no Auditório Horizonte Njinga Mbande, em Luanda, a peça “O Divórcio não é a Solução”, exibida para assinalar os 13 anos de existência do grupo. Segundo o director do grupo, Ângelo Neto, a peça foi escolhida por espelhar a dedicação e trabalho de 13 anos a fazer cultura, em colaboração com alguns estudantes da Escola Primeiro de Maio, que abraçaram o projecto desde o primeiro momento.

29/07/2022  Última atualização 13H51

"Hoje, com mais de uma década de teatro, passamos por vários momentos, desde os mais difíceis aos mais felizes. Mas fomos persistentes”, reconhece.  Sobre a temática da peça a ser exibida, avança que se debruça sobre problemas que surgem dentro do matrimónio, mas procura apontar os caminhos para uma solução, excluindo a hipótese do divórcio. A peça foi inspirada no livro da autoria de Isaías Cambuanda, que estuda diversas dificuldades que os casais vivem no casamento.

O grupo de teatro 1º de Maio foi criado em 2009, por jovens com uma idade compreendida entre os 17 aos 37 anos. Tem no seu repertório as obras ”Gongueia em Luanda”, "Choro de África”, "A mesma vida” e "Sexo não é força”.  Tem um percurso de mais de 12 espectáculos pelas 18 províncias de Angola. 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura