Gente

Paulo Flores distinguido pela Academia de Letras

O músico Paulo Flores foi homenageado, em Luanda, pela Academia Angolana de Letras (AAL), pelo contributo prestado ao cancioneiro nacional. Paulo Flores é um dos expoentes máximos do semba.

21/11/2021  Última atualização 05H55
© Fotografia por: Dombele Bernardo | Edições Novembro
 Despontou na década de 90 e é um dos mais versáteis artistas nacionais do período pós-independência. A propósito, o músico explicou que as vivências entre Luanda e Lisboa foram as suas principais inspirações para a música.


Paulo Flores referiu que na altura não tinha noção do que cantava, mas hoje pode ver o impacto que as suas músicas têm na vida das pessoas.


"Quando comecei a cantar, tinha entre 16 ou 17 anos e na época cantava apenas por cantar. Via as coisas e escrevia, outras foram criadas no momento. Não tinha noção do que cantava. Hoje,vejo e entendo as mensagens que as minhas músicas carregavam”, disse.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Gente