Coronavírus

País tem 73 postos de vacinação

Xavier António

Jornalista

Angola dispõe de 73 postos de vacinação e 200 equipas avançadas, disse sábado (22), em Luanda, a directora Nacional de Saúde Pública.

23/01/2022  Última atualização 04H20
© Fotografia por: Vigas da Purificação | Edições Novembro
Em conferência de imprensa sobre o plano de vacinação em curso no país, Helga Freitas revelou que a taxa de cobertura com a primeira dose é de 61 por cento, e com as duas doses é de 29 por cento.

Referiu que o sistema de vigilância epidemiológico do Ministério da Saúde reportou, desde o início da pandemia,  88 mortes por Covid-19 em crianças, em 6.675 infecções cumulativas dos zero aos nove anos, e 9.403 casos em crianças e jovens dos 10 aos 19 anos, dos quais 281 resultaram em óbitos. 

Em relação à obrigatoriedade da vacinação, salientou que o Executivo não tornou obrigatória a toma da vacina, mas em nome da protecção e do bem vida, está a impedir que a escolha individual de não ser vacinado ponha em risco as demais pessoas.

O Governo, prosseguiu, criou condições para que as pessoas não sejam afectadas pelas decisões individuais, estabelecendo requisitos específicos, entre os quais a apresentação do cartão de vacinação para o acesso a determinados espaços públicos.

O director-geral do Hospital David Bernardino, Francisco Domingos, destacou o aumento de crianças com Covid-19 internadas e o número de óbitos naquela unidade de saúde.

Francisco Domingos desencorajou  os pronunciamentos sobre a não administração das vacinas em crianças e adolescentes. "Estas posições contra a imunização estão a fazer com que até as crianças com cormobilidades não sejam vacinadas, sendo elas a prioridade”.   

Por seu turno, o representante do Unicef em Angola, Ivan Yerovi, destacou a importância de as crianças retomarem as aulas de forma segura, garantindo também, protecção aos professores através da vacinação.

"Existem muitos países no mundo cujas crianças estão fora do sistema de ensino há dois anos: é muito grave. No caso de Angola, as escolas estão abertas, o que é um sinal positivo”, sublinhou. 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Coronavírus