Política

Obras em curso nos municípios dão dignidade ao Reino do Bailundo

César Esteves

Jornalista

O Rei do Bailundo, Isaac Francisco Lucas “Tchongolola Tchongonga”, afirmou, segunda-feira (24), em Luanda, que as obras do Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM) estão a dar outra dignidade ao Reino que dirige.

25/01/2022  Última atualização 07H59
© Fotografia por: Santos Pedro| Edições Novembro
Isaac Francisco Lucas fez este pronunciamento à imprensa, no final da audiência que lhe foi concedida, na Cidade Alta, pelo Presidente da República, João Lourenço. "O Reino, sobretudo o Palácio do Rei, está, hoje, muito dignificado, como resultado das obras de requalificação que está a beneficiar", realçou.
Entre os vários equipamentos sociais em construção no Reino do Bailundo, no âmbito do PIIM, Isaac Francisco Lucas destacou o surgimento de uma escola de 12 salas e um centro hospitalar com capacidade para 22 camas.
O Rei referiu que, quer a escola, quer o hospital, vão beneficiar, além dos habitantes do Reino do Bailundo, as comunidades à sua volta. "As nossas populações estão bastante alegres por causa do que está a acontecer a nível da nossa região", realçou.
Isaac Francisco sublinhou, ainda, a construção das 35 residências para os membros da corte, quatro ondjangos e um monumento onde jazem os 36 reis que já passaram pelo Reino do Bailundo. 

O Rei disse ter aproveitado, também, o encontro com o Presidente da República para o encorajar a prosseguir com o PIIM.  "O Presidente deu garantias ao nosso povo da região Centro-Sul de que as obras do PIIM vão continuar, de modo a fazer face aos problemas socioeconómicos da nossa região", frisou.
A uma pergunta sobre como está, actualmente, o Reino do Bailundo, em termos de harmonia, Isaac Francisco Lucas assegurou que está a passar por um bom momento. Disse que está a levar a cabo uma acção para congregar todas as autoridades tradicionais adjacentes ao Reino do Bailundo. "O trabalho tem andado muito bem. Temos nos reunido, constantemente, para velar pelos problemas da nossa sociedade", aclarou.
O Reino do Bailundo compreende as províncias do Huambo, Bié, Cuanza-Sul e uma parte da Huíla.
Isaac Francisco Lucas, que adoptou o cognome tradicional Tchongolola Tchongonga, que significa o congregador, é o 37º soberano do Reino do Bailundo. O PIIM tem como ob-jectivo materializar as acções de Investimentos Públicos (PIP), de Despesas de Apoio ao Desenvolvimento (DAD) e de Actividades Básicas, com prioridade para as de carácter social. Um dos seus focos passa por inibir o êxodo rural e promover o crescimento económico, social e regional mais inclusivo no país.
Este Plano pretende aumentar a autonomia dos 164 municípios de Angola no âmbito da política de desconcentração e descentralização das competências administrativas e, deste modo, aumentar a qualidade de vida em todo o território nacional.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política