Gente

O Outro Lado da Gente| Mário Fula Dimina

Formado em Física e membro da Global Shapers Community Luanda (iniciativa do fórum económico mundial), apaixonado por literatura, liderança e finanças, Mário Dimina tem no seu currículo uma passagem pelo Departamento de Estatística do Gabinete de Estudos Económicos da Câmara de Comércio e Indústria Angola - Holanda.

20/11/2021  Última atualização 06H45
Mário Dimina © Fotografia por: Cedida
Mário Fula como é conhecido é um dos pouquíssimos jovens angolanos que tem dedicado o tempo a escrever textos sobre Econofísica - o campo de estudo, que busca relacionar ou explicar fenómenos económicos com auxílio de técnicas da Física.O académico afirma que as instituições financeiras angolanas deveriam tirar o máximo proveito desta área em desenvolvimento. Actualmente tem estado a trabalhar na criação do projecto denominado "ECONOFÍSICA-ANGOLA”,  projecto que reunirá profissionais formados em Física e não só, com intuito de abordar questões sobre Econofísica e como ela pode contribuir para mitigar alguns desafios.
Nome: Mário Fula Dimina.
Data de nascimento: 01/07/1994.
Naturalidade: Luanda.
Filiação: Cândido Cunha Dimina e Clotilde Ngunza Fula.
Calçado: 39.
Ocupação: Trabalho por conta própria.
Estado civil: Solteiro.
Filhos: Nenhum.
Sonhos: Poder trilhar uma carreira profissional brilhante em instituições financeiras angolanas.
Sente-se realizado? Não.
Tem carro próprio? Não.
E casa? Também não.
Como se veste de segunda a sexta-feira? Roupas casuais.
E aos fins-de-semana? Mais descontraído.
Faz uso de roupa de marca? Sim. Toda a roupa tem marca.
Cor preferida? Preta e azul.
Qual é a marca do perfume que usa? Olympia.
Acredita em forças ocultas? Sim.
Alguma vez foi aliciado? Não. A minha educação não permite que seja aliciado. 
Onde passa as férias? Fora de Luanda.
Cidade preferida? Ndalatando. 
Virtude: Humildade. 
Defeito: Teimosia.
Vício: Escrita.
Livro: Locomovida.
Escritores: Augusto Cury, Brian Tracy e Lauro Trevisan.
Uma boa companhia: Estar com a família.
Músicos: Valete, Halloween e Azagaia.

Comida: Mufete.

Bebida: Sumos naturais.

Sabe cozinhar? Sei.

É ciumento? Muito.

Desporto: Não gosto.

Clube: Não tenho.

Alguma vez mentiu? Sim.

Já foi enganado? Várias vezes.

Ano que mais o marcou? 2021.

Porquê? Consegui colocar em prática alguns dos meus projectos.

Deputado ou  ministro,  qual dos dois cargos escolheria? Nenhum.

Porquê? Mais que cargos acho crucial fazermos o que amamos.

O que acha da corrupção? Benefícios hoje, uma dívida impagável para as próximas gerações.

Homossexualidade? O amor tem os seus limites.

Poligamia? Adultos devem ser responsáveis pelo que fazem.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Gente