Gente

O outro Lado da Gente| BAMBA DIAKANDA

Bamba Ambrósio Diakanda é um jovem ligado ao associativismo juvenil. É o fundador do projecto denominado “Jovens Transformadores”, cuja finalidade é despertar as comunidades sobre os problemas sociais e as suas consequências para os adolescentes. A sua acção na comunidade integra profissionais como educadores, assistentes sociais, psicólogos, sociólogos, educadores de infância e especialistas em vigilância do trabalho e protecção de crianças em situação de risco. Membro da Global Shapers Luanda, Bamba Ambrósio Diakanda está também ligado ao projecto de protecção social denominado “Mwana”, que trabalha com crianças de rua.

09/10/2021  Última atualização 05H05
Nome: Bamba Ambrósio Diakanda.

Data de nascimento: 25/04/1997.

Naturalidade: Luanda.

Filiação: Mbemba Pedro e Nzetula Mayimona

Calçado: 42.

Ocupação: Estudante universitário, gestor de projectos sociais.

Estado civil: Solteiro.

Filhos: Não tenho.

Sonhos: Trabalhar na UNICEF e ser reconhecido a nível do trabalho de protecção social das crianças em situação de risco.

Sente-se realizado: Não.

Tem carro próprio: Não.

E casa: Não.

Como se veste de segunda a sexta-feira? Roupa casual e Social.

E aos fins-de-semana? Roupa casual e Social.

Faz uso de roupa de marca? Sim.

Cor preferida: Azul e Branco.

Qual é a marca do perfume que usa?  212 Man

Acredita em forças ocultas? Sim.

Alguma vez foi aliciado? Não.

Como reagiu: a minha consciência não permite.

Onde passa as férias?  Luanda.

Cidade preferida: Huambo.

Virtude: Humildade.

Defeito: Teimosia.

Vício: Trabalhos sociais.

Livro: Bíblia Sagrada.

Escritores? John Maxwell, Amor Monteiro, Erik Erikson.

Uma boa companhia: Familiares e amigos.

Músicos: Hillsong Worship, Emmanuel Musongo.

Comida: Muteta.

Bebida: Sumo natural.

Sabe cozinhar: Sim.

É ciumento: Um pouco.

Desporto: Futebol.

Clube: Barcelona e 1º de Agosto.

Alguma vez mentiu: Sim.

Já foi enganado: Várias vezes.

Ano que mais o marcou: 2017.

Porquê: Uma das minhas inspirações (pai) faleceu em Dezembro desse ano, nas vésperas do Natal.

Deputado ou  ministro,  qual dos dois cargos escolheria? Ministro.

Porquê: Maior facilidade para a concretização dos projectos sociais que tenho e consequentemente combatendo e diminuindo o fluxo das crianças na e de rua. Melhorando o nível de qualidade de vida das famílias vulneráveis e das crianças na e de rua.

O que acha da corrupção? Um mal que contribui para o atraso e fraco desenvolvimento de um país.

Homossexualidade: Sou contra.

Poligamia: A minha educação não permite. Sou contra.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Gente