Regiões

Novas escolas e centros de saúde reforçam as infra-estruturas

Os habitantes do município do Cuango, província da Lunda-Norte, contam desde ontem com mais quatro infra-estruturas de impacto social, concretamente, uma escola de quatro salas de aula, dois centros médicos, ambos com capacidade de internamento para 40 camas, e um auditório com 350 lugares , que, numa primeira fase, vai servir de sala de julgamento do Tribunal de Comarca.

06/02/2020  Última atualização 10H24
© Fotografia por: Nova escola construída no bairro Gika, arredores de Cafunfo, vai albergar cerca de 200 estudantes em dois turnos

As infra-estruturas construídas no âmbito dos projectos de consignação especial aos municípios, foram inauguradas pelo governador provincial Ernesto Muangala, no quadro das comemorações do “4 de Fevereiro”, data do Início da Luta de Libertação Nacional. 

O director municipal da Educação do Cuango, Valentin Manuel, disse que a nova escola de quatro salas, situada no bairro Gika, vai albergar 185 alunos nos turnos da manhã e da tarde. Com esta infra-estrtura, o sector da Educação do município do Cuango comporta agora 76 salas de aula, para um universo de 27 mil e 910 alunos matriculados neste ano lectivo.
O responsável revelou que, devido à insuficiência de salas de aula, cerca de 920 crianças em idade escolar vão ficar fora do sistema de ensino este ano.

Sector da Saúde

O director municipal da Saúde do Cuango, Catumba Calombo, informou que, com a entrada em funcionamento dos dois centros médicos, mais de oito mil habitantes dos bairros Luzamba e Gika vão ter acesso aos serviços de Saúde Pública.
Catumba Calombo avançou que as duas unidades sanitárias vão prestar serviços de Medicina, Pediatria, pequenas cirurgias e de Maternidade. Com estes dois centros, aumenta para 14 o número de unidades sanitárias no Cuango.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões