Economia

Nossa Seguros apresenta seguro para equipamentos e máquinas agrícolas na Expo-Huíla

Arão Martins | Lubango

Jornalista

O “seguro para equipamentos e máquinas agrícolas” é uma das novidades apresentadas pela empresa Nova Sociedade de Seguros de Angola, S.A (Nossa Seguros), presente na 29ª edição da maior bolsa de negócios do Sul de Angola, que decorre, até domingo, na cidade do Lubango, província da Huíla.

13/08/2022  Última atualização 15H20
Administrador da Nossa Seguros Marcelo Perdigão © Fotografia por: Arão Martins | Edições Novembro | Huíla
O administrador executivo, Marcelo Perdigão, referiu que a apólice para equipamentos e máquinas agrícolas visa assegurar o risco que os mesmos correm no desempenho das funções.

Esclareceu que este seguro prevê a cobertura contra possíveis acidentes, danos de acção externa causados aos equipamentos, sejam eles de origem mecânica ou eléctrica, além de garantir também protecção contra roubo e furto qualificado.

Neste último caso, o seguro mesmo funciona por via da contratação específica, além de garantir cobertura para reembolso de despesas de salvamento.

Marcelo Perdigão disse ainda que a Nossa Seguros colocou à disposição dos clientes, igualmente, nestes dias de Expo-Huíla, o seguro de protecção contra assaltos, produto lançado em Julho deste ano.

Em razão disso, considerou tratar-se de um seguro bastante inovador, o qual visa mitigar os riscos decorrentes de assaltos.

Tal como exemplificou caso um segurado seja vítima de um roubo, a seguradora pode repor, mediante determinadas condições, o telefone, computador ou tablete que, eventualmente, terá perdido.

Documentos

Este mesmo seguro, garantiu Marcelo Perdigão, garante, também, o tratamento dos documentos, que possam, eventualmente, ser perdidos durante o furto ou roubo. A mesma apólice garante também despesas de (re) emissão, desde que o detentor do seguro e vítima do assalto se magoe no acto.

Para além destas duas soluções, o administrador executivo disse que a Nossa Seguros está a desenvolver uma campanha a nível nacional, que visa sortear 30 milhões de kwanzas para a entrada numa habitação.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia