Política

MPLA recomenda celeridade nas obras do PIIM

A primeira secretária do MPLA no Huambo encorajou as administrações municipais a prosseguirem, com maior "rigor e dinamismo", na fiscalização das obras inseridas no Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM).

19/07/2021  Última atualização 09H45
© Fotografia por: DR
Lotti Nolika, que discursava na abertura da sessão plenária extraordinária do Comité Provincial do MPLA, realizada sábado, manifestou-se preocupada com o atraso na execução física de algumas infra-estruturas sociais na província, tendo em conta, o impacto que os referidos projectos têm na vida das populações.

"O MPLA está preocupado com o atraso na execução física de algumas obras. Por esta razão recomenda maior fiscalização das mesmas,” disse Lotti Nolika, salientando que nos 11 municípios do Huambo estão em curso a construção de escolas, centros e postos de saúde, pontes, sistemas de abastecimento de água, reabilitação  das vias secundárias e terciárias, sobretudo nas áreas com  elevados  índices de degradação.

A dirigente partidária lembrou os inúmeros desafios do MPLA  este ano nos vários domínios, exortando a manutenção da unidade, diálogo permanente e coesão política e social no seio da estrutura partidária.

A reunião fez o balanço do processo de revitalização das assembleias nos Comités de Acção do Partido e reconheceu o empenho dos dirigentes para  o êxito do processo de emissão do novo cartão de militante.



Programa no Zaire

Os membros do Comité Provincial do MPLA no Zaire recomendaram, sábado, no município do Tomboco, província do Zaire, que as em-presas construtoras acelerem a execução física dos projectos consignados no âmbito do Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM), para garantir serviços e condições básicas às populações.

Os participantes à nona sessão extraordinária do Comité Provincial do MPLA no Zaire manifestaram-se  preocupados com o facto de alguns municípios não terem sido contemplados no Projecto "Kwenda", tendo em conta o grau de vulnerabilidade das populações.

A reunião, orientada pelo primeiro secretário do MPLA no Zaire e governador da província, Pedro Makita, recomendou a aprovação da resolução sobre a suspensão de mandatos dos membros do Comité Provincial por integrarem as Comissões Provinciais e Municipais Eleitorais.

Justino Victorino| Huambo
Kayila Silvina | Tomboco

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política