Política

MPLA reafirma modelo de desenvolvimento para Angola

O Bureau Político do MPLA, reunido esta quinta-feira (25), reafirmou o modelo de desenvolvimento sustentável adoptado pelo partido para Angola, assente na maior inclusão dos angolanos nas oportunidades económicas e no aprofundamento da cidadania participativa em prol do desenvolvimento harmonioso do país.

25/11/2021  Última atualização 12H53
Terminou há pouco a 6ª Reunião Ordinária do BP do MPLA © Fotografia por: Kindala Manuel

Sob orientação do presidente do MPLA, João Lourenço, o Bureau Político apreciou na 6ª Reunião Ordinária, no Auditório do Comité Central, no Complexo Turístico Futungo II, em Luanda, o parecer sobre a proposta de Orçamento Geral do Estado para 2022, que elegeu o apoio à economia, a defesa dos rendimentos e do consumo das famílias.

A proposta será materializada através da adopção de medidas tributárias, de promoção do emprego, e do aumento de pessoal na Administração Pública, considerando igualmente as progressões, promoções e actualizações como seus principais alicerces.

De acordo com o comunicado final do encontro a que o Jornal de Angola teve acesso, o Bureau Político ratificou a informação sobre o processo de candidaturas à liderança do partido e aprovou a do militante João Manuel Gonçalves Lourenço a presidente do MPLA, devendo a mesma ser submetida à aprovação do Comité Central na sua próxima reunião.

Os membros deste órgão foram informados sobre o estado de preparação do Acto Central do VIII Congresso Ordinário do MPLA, tendo sido destacado o grau de importância do evento, que constitui uma plataforma política para reforçar a união e a coesão dos militantes, simpatizantes e amigos do partido em torno da liderança do Presidente João Lourenço, tendo em perspectiva vencer os desafios políticos eleitorais.

O Bureau Político denunciou, por outro lado, a existência de inúmeras campanhas de mentiras e difamação, que visam atingir a imagem do MPLA, a honra e o bom nome dos seus dirigentes, veiculadas por diferentes meios de comunicação, com mais incidência nas Redes Sociais.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política