Cultura

MPLA: "Nagrelha conquistou um lugar no rico acervo cultural nacional”

JA Online

O Bureau Político do MPLA considerou, este sábado, que o músico Nagrelha com mérito dos seus fazedores “conquistou um lugar no rico acervo cultural nacional”.

19/11/2022  Última atualização 13H23
© Fotografia por: DR | Arquivo

"Foi com profundo sentimento de consternação que o Secretariado do Bureau Político do MPLA, em nome dos militantes, simpatizantes e amigos do Partido, tomou conhecimento da morte do senhor Joelson Caio Manuel Mendes, mais conhecido nas lides artísticas como "Nagrelha dos Lambas” ou "Estado Maior do Kuduro”, ocorrida em Luanda, sexta-feira, por doença, aos 36 anos”, refere uma mensagem de condolências envidada hoje ao JA Online.

No documento, o MPLA ressalta que pela sua forma ímpar e inigualável de ser e estar, Nagrelha inspirou e mobilizou muitos artistas a aderirem o estilo "Kuduro”

Para o MPLA, o músico notabilizou-se como dos mais carismáticos integrantes do Grupo Musical "Os Lambas”, responsáveis pela introdução de um novo paradigma no estilo musical Kuduro, marcado por composições com apreciável rima e elevada capacidade criativa, que catapultaram o grupo ao patamar dos melhores no estilo em referência.

"O forte pendor mobilizador que nos habituou em vários actos e actividades, bem como o carinho com que Nagrelha nos habituou, provocará sempre uma grande saudade entre os admiradores e fãs da sua performance artística", destaca o MPLA.

"Nesta hora de dor e de luto, o Secretariado do Bureau Político, em nome de todos os militantes, simpatizantes e amigos do MPLA, apresenta à família de Joelson Caio Manuel Mendes, sentidos pêsames”, lê-se na mensagem.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura