Política

MPLA doa bens para famílias vulneráveis

Dezoito toneladas de produtos da cesta básica e meios de higienização foram entregues à administração municipal do Cazenga, em Luanda, para serem distribuídos a 600 famílias desfavorecidas, no âmbito do programa de protecção contra a Covid-19.

14/04/2020  Última atualização 12H17
DR

Consta da doação produtos alimentares e de higienização como sabão, álcool gel, baldes e banheiras plásticas.
A acção é uma iniciativa do Comité Central do MPLA e visa essencialmente apoiar as famílias vulneráveis da circunscrição, enquanto durar a pandemia da Covid-19.
O acto de entrega dos bens essenciais, realizado no sábado, coube ao secretário do Bureau Político do MPLA para Administração e Finanças, Diógenes de Oliveira, que na ocasião disse não estar a substituir as acções do Executivo, mas “por ser um partido que ama Angola e os angolanos”.
O MPLA, sublinhou, está a fazer sua parte, levando a solidariedade às populações com géneros de primeira necessidade e de higienização para ajudar as famílias mais carenciadas no município do Cazenga.
Segundo a Angop, o político disse estar certo que os bens não vão resolver todo o problema, mas se todos derem contribuições as populações se sentirão bem, não só com produtos da cesta básica, mas também na observância das medidas de prevenção contra a Covid-19.
O administrador do Ca-zenga, Albino da Conceição José, adiantou que a municipalidade possui um cadastramento de mais de três mil famílias vulneráveis, daí que os bens vão mitigar as dificuldades que as pessoas en-frentam. Adiantou que os bens serão distribuídos às famílias vulneráveis nos seis distritos urbanos.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política