Política

Militantes do MPLA reafirmam apoio ao líder

Centenas de militantes do MPLA, dos municípios do Cazenga e Cacuaco, em Luanda, reafirmaram, sábado (9), o apoio ao líder, João Lourenço, em actos de massas realizados, em espaços abertos, nos distritos do 11 de Novembro e Sequele, respectivamente, com a obrigatoriedade da apresentação do cartão de vacina da Covid-19.

11/10/2021  Última atualização 03H50
Segundo secretário do MPLA © Fotografia por: DR
O segundo secretário do MPLA em Luanda, Nelsom Funete, enalteceu o  compromisso do  líder do partido para a manutenção  da paz e a estabilidade política e social.

 Exortou os munícipes a juntarem-se aos esforços do Executivo e do MPLA, promovendo  campanhas de mobilização para adesão à vacina contra a Covid-19 e aos postos do registo eleitoral oficioso

O secretário para as comunidades do MPLA em Luanda, Bento dos Santos " Kangamba", afirmou que o partido continua junto do Governo a trabalhar de forma responsável para resolver os problemas do povo, com realce para a baixa dos preços da cesta básica.

A primeira secretária do MPLA no município de Talatona, Claudineth Fragoso Cerqueira, entregou as chaves de uma residência, na urbanização Maye-Maye, para uma família vulnerável, de cinco membros, que vivia no bairro Dangereaux,
 Claudineth  Fragoso Cerqueira disse que o MPLA está a fazer a sua parte, levando a solidariedade para as populações carentes.


JMPLA
A JMPLA lançou, sábado, no município do Ambriz, província do Bengo, uma campanha de sensibilização para a adesão ao registo eleitoral oficioso, em curso no país desde o dia 23 de Setembro.

A organização juvenil do MPLA pretende, com a iniciativa, que os cidadãos com idade para votar actualizem os seus dados.

No acto de lançamento, o segundo secretário provincial da JMPLA no Bengo, Oliveira Muginga, explicou que durante a campanha serão criadas brigadas nas comunas e bairros para esclarecer os cidadãos sobre o registo eleitoral oficioso.


O processo do Registo Eleitoral Oficioso decorre nos Balcões Únicos de Atendimento ao Público (BUAP) onde está a ser emitido o Cartão de Munícipe, documento que serve apenas para certificar a morada dos cidadãos e permite às autoridades eleitorais definir a mesa de voto onde o eleitor vai exercer o direito de voto.

No Cunene, a organização juvenil do MPLA lançou, também, uma campanha de sensibilização dos militantes e da juventude, no geral, sob o lema "Juventude Angolana todos ao  BUAP”.

No lançamento da campanha, o primeiro secretário provincial do JMPLA no Cunene, Ireno Nambolo, disse que o momento "é de deixar de lado a camisola, o cartão de militante ou a cor partidária e abraçar a angolanidade".
"Cada um de nós, nos nossos municípios, comunas, bairros e povoações, sejamos porta-vozes do processo que vai determinar o contínuo exercício da democracia angolana”, afirmou o político.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política