Regiões

Meliantes assaltam residências e lavras na comuna de Chivaulo

Os meliantes têm aterrorizado moradores da sede da comuna de Chivaulo, município do Andulo, província do Bié, durante a calada da noite. Disfarçados de "palhaços" assaltam residências e roubam quase tudo que encontram.

02/06/2021  Última atualização 10H30
Edmundo Eucilio| Edições Novembro
Um dos moradores da comuna, João Baptista, disse à nossa reportagem que, há uma semana, a sua casa foi assaltada e os meliantes levaram cinco porcos e três cabritos, apelando às entidades competentes para reforçarem o patrulhamento, principalmente no centro da vila e nas lavras que estão próximas da circunscrição.

Xavier Manuel,  outro habitante  da sede comunal de Chivaulo, afirmou que, nos últimos dias, os marginais não dão tréguas à população. Na sua residência levaram  quatro cabritos e 10 galinhas. "Há numerosos  assaltos, essencialmente à noite. Isto nos preocupa. A falta de iluminação pública e também o número irrisório de efectivo  da Polícia que faz o patrulhamento não inibe os meliantes de fazerem o que querem”.

Assaltos a campos agrícolas

A acção dos amigos do alheio estende-se aos campos de cultivo da comuna de Chivaulo. Proprietários de lavras afirmam que indivíduos desconhecidos têm estado a assaltar à luz do dia. A camponesa Maria Tchilonga disse que os produtores lo-cais clamam pelo reforço do patrulhamento.

 Na comuna de Chivaulo a maioria dos habitantes dedica-se à  agricultura familiar e à criação de animais, concretamente porcos, cabras e galinhas. "Com o eclodir da crise económica no país, os assaltantes invadem as lavras e causam avultados prejuízos às famílias camponesas. Apoderam-se das lavras e retiram todos os produtos” afirmou Maria Tchilonga, que apela aos órgãos  policiais "para trabalharem no sentido de devolver a segurança aos camponeses da comuna”.


José Chaves | Andulo

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões