Economia

Meios vão melhorar registo de produtores

Bernardo Capita | Cabinda

Jornalista

As equipas de registo dos produtores nacionais no portal criado pelo Ministério da Economia e Planeamento, na província de Cabinda, foram reforçadas, esta semana, com equipamentos informáticos e meios de transporte para garantir-se maior celeridade no processo.

08/09/2021  Última atualização 08H50
© Fotografia por: DR
Desta forma, estima-se que o trabalho dos agentes municipais ganhe significativo dinamismo no registo junto do Portal do Produtor Nacional (PPN) e acelere os resultados do Programa de Diversificação das Exportações e Substituição das Importações (PRODESI).

Entre os meios disponibilizados pelo Ministério da Economia e Planeamento aos agentes municipais de apoio ao produtor nacional, do município sede (Cabinda), destacam-se motorizadas, uniformes, capacetes e botas, que, doravante passam a permitir aos agentes, trabalhar de forma mais condigna e facilitada.

Hortência Carla da Costa Pike, que em representação do Ministério da Economia e Planeamento, testemunhou o acto de entrega dos meios aos agentes de apoio ao produtor nacional, do município sede (Cabinda), destacou a importância da cerimonia e exortou os beneficiários a privilegiarem a comunidade jovem "tendo em conta que, é também o nosso foco, acelerar o processo jovem de Cabinda de um modo particular e de Angola em geral”. "Estão de parabéns por terem sido escolhidos para trabalharem no PRODESI.

Vamos trabalhar com a comunidade jovem tendo em conta que o nosso foco também é acelerar o processo jovem de Cabinda de modo particular e de Angola em geral. Devem trabalhar com muita responsabilidade e que acreditem na evolução do projecto” sublinhou Hortência Carla da Costa Pike para quem o projecto é nacional e extensivo aos demais municípios da província de Cabinda. 

A administradora do município de Cabinda, Berta Marciano, disse que os meios entregues aos AMAP, "vão dar uma outra dinâmica à nossa economia e porque não ao empreendedorismo, já que serão o elo de ligação entre o produtor e o sector de economia”. O agente municipal, Filipe Bartolomeu Massuela, disse que os meios que acabou de beneficiar, vão facilitar a busca de informações junto dos produtores locais, ou seja do município de Cabinda e uma vez publicadas no portal do produtor nacional, os investidores e outras pessoas interessadas estarão assim melhor informadas sobre a realidade sócio produtiva desta localidade.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia