Regiões

Malnutrição ganha mais espaço em Menongue

Nicolau Vasco|Menongue

Jornalista

Um total de 3.036 casos de malnutrição aguda foi registado, durante o primeiro trimestre deste ano, nas principais unidades sanitárias do Cuando Cubango, que resultaram na morte de 28 crianças, anunciou, terça-feira, a técnica provincial de Nutrição.

12/06/2024  Última atualização 09H20
© Fotografia por: DR

Graça Tapalo avançou que os casos de morte se registaram nos municípios de Menongue, Cuito Cuanavale, Cuchi, Calai e Mavinga. O município de Menongue, disse, lidera o índice de malnutrição com 1.407 casos, seguido pelo Cuchi com 664, Cuito Cuanavale com 322, Calai com 55, e Mavinga com 51. O município de Nancova, acrescentou, registou 241 casos, enquanto o Dirico teve 207, o Rivungo com 51 e Cuangar com 38.

 
Tratamento

Durante o primeiro trimestre deste ano, referiu, as unidades sanitárias da província registaram um total de 550 crianças que foram curadas com malnutrição. Graça Tapalo disse que, no mesmo período do ano transacto, foram registados 2.296 casos da doença, dos quais 1.216 curados, 302 que abandonaram o tratamento e 18 óbitos causados por diversas complicações.

A técnica de nutrição disse que a malnutrição na província do Cuando Cubango continua a ser preocupante. "Só no primeiro trimestre deste ano, foi registado um aumento de 740 novos casos”.

Apesar das campanhas de sensibilização sobre a educação nutricional realizadas, nos últimos meses, ressaltou, muitas famílias ignoram os conselhos dos técnicos de nutrição. "Uma das principais causas da malnutrição continuam a ser a falta de conhecimento nutricional por parte das mães, o desmame precoce e os alimentos mal passados”, citou.

Todas, as unidades sanitárias da província, assegurou, contam com uma área e técnicos capacitados em nutrição que muitas, vezes,  sensibilizam as mães durante as consultas.

Graça Tapalo disse que as principais dificuldades do programa de combate à malnutrição continua a ser a falta de meios transportes e o mau estado das vias de acesso aos municípios do interior do Cuando Cubango.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões