Sociedade

Mais de quatro mil crianças ficam sem aulas

Guimarães Silva | Bengo

Mais de quatro mil crianças estão fora do sistema normal de ensino, na comuna das Mabubas, município do Dande, por falta de salas de aula e professores, revelou, ontem, o responsável da Educação na localidade.

18/09/2021  Última atualização 06H45
Crianças estão fora do sistema normal de ensino © Fotografia por: DR
Carlindo Gonçalo disse que, na comuna, o sector controla um total de 15 escolas do Ensino Primário e do I e II ciclos do Ensino Secundário, que acolhem cerca de três mil alunos e 160 professores.

Na Saúde, a situação na comuna das Mabubas é débil, considerou a chefe do sector, Clementina Prata. A região conta com oito médicos, 60 enfermeiros, entre licenciados e técnicos médios, e seis técnicos de diagnóstico e terapêutica.
A chefe do sector lamentou o facto de existirem localidades da comuna sem postos de saúde. Nessas zonas, são feitas apenas consultas externas com meios móveis.

Com uma população estimada em mais de 24.500 habitantes de 34 bairros, a comuna acolhe unidades de referência para o desenvolvimento do Bengo, como a Barragem Hidroeléctrica de Mabubas, que tem capacidade para produzir 25,6 mega watts de potência de energia, bem como zonas de exploração de madeira e inertes.


Escola na Terra Nova

Na localidade da Terra Nova, município do Dande, foi reinaugurada uma escola de sete salas de aula, depois de reabilitada e ampliada, no quadro do Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM).

As obras do designado Complexo Escolar nº 325, que vai albergar um total de 504 alunos do Ensino Primário e do I Ciclo do Ensino Secundário, em dois turnos, custaram 122 milhões de kwanzas aos cofres do Estado.

Os trabalhos da escola, inaugurada pela governadora do Bengo, Mara Quiosa, consubstanciaram-se na reabilitação de cinco salas de aula e na construção de mais duas, num período de seis meses.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade