Regiões

Lunda-Sul já tem stocks de vacinas

Ao todo, 39 mil vacinas da AstraZeneca, Pfizer e da Johnson & Johnson chegaram, na segunda-feira, em Saurimo, província da Lunda-Sul, após 15 dias de rotura.

24/11/2021  Última atualização 09H15
© Fotografia por: DR
Em declarações, terça-feira (23), à Angop, o coordenador adjunto da comissão provincial de resposta rápida à pandemia na Lunda-Sul, Viegas de Almeida, informou que as vacinas chegaram num bom momento, uma vez que a província tinha apenas 30 mil doses da Sinopharm.

Esclareceu que, das vacinas chegadas na segunda-feira, 17 mil são da AstraZeneca, 16 mil da Pfizer e seis mil da Johnson & Johnson. Este último tipo de vacina, que é tomada uma única vez, será encaminhada às zonas fronteiriças, dada à distância com as sedes municipais.

Viegas de Almeida avançou que os três postos de vacinação existentes têm registado uma adesão considerável, com média diária total de dois mil vacinados, o que satisfaz as autoridades sanitárias.

Até ontem, revelou, tinham sido vacinadas 120 mil pessoas, algumas com duas doses e outras com a dose única.
Exortou a população a continuar com o mesmo espírito cumpridor, de modo a que se consiga vacinar as mais de 300 mil pessoas cadastradas a nível da província.

A Lunda-Sul não regista já há algum tempo casos positivos da doença.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões