Regiões

Lunda-Norte ganha infra-estruturas de ensino e saúde

Armando Sapalo | Dundo

Jornalista

Uma escola primária, posto médico e duas residências, sendo uma para professores outra para as madres da Igreja Católica, foram inauguradas esta quinta-feira (11), na localidade do Mwita, a 20 vinte quilómetros da vila do N'zagi (Lunda-Norte).

12/11/2021  Última atualização 00H33
© Fotografia por: EDIÇÕES NOVEMBRO

As infra-estruturas foram construídas pela Sociedade Mineira do Chitotolo, no âmbito das acções de responsabilidade social junto das comunidades circunvizinhas às áreas de exploração de diamantes.

Em declarações à imprensa, o membro do Conselho de Gerência da Sociedade Mineira do Chitotolo, Bernardo Campos,  disse que  por via de fundos próprios a  empresa investiu um milhão e 500 mil dólares para a construção da escola, duas residências de tipologias T-4 e T6, bem como um posto médico.

O gestor realçou que a responsabilidade para a gestão da escola foi entregue às madres da congregação Dominicana do Rosário ligada à Igreja Católica

A escola vai albergar mais 600 crianças em dois turnos. Antes da sua construção, um total de 345 crianças da localidade do Mwita matriculadas no presente ano lectivo, estudavam numa capela e debaixo das árvores.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões