Economia

Luanda garante apoio a 21 mil camponeses

Mais de vinte e uma mil famílias camponesas da província de Luanda vão receber apoio do Estado, no ano agrícola 2021/2022, aberto sábado, na zona da Kakila, comuna do Calumbo, no município de Viana, numa cerimónia presidida pela governadora provincial de Luanda.

25/10/2021  Última atualização 08H40
Governadora Ana Paula de Carvalho foi a Calumbo no sábado © Fotografia por: DR
Ana Paula de Carvalho garantiu, na ocasião, que as famílias da capital vão receber instrumentos e insumos agrícolas, como catanas, enxadas, fertilizantes e sementes, em quantidades não mencionadas.

O referido apoio será extensivo a 17 associações de camponeses, 68 cooperativas, bem como a um grupo de 45 pequenos, médios e grandes agricultores.

Para a campanha agrícola 2021-2022, soube o Jornal de Angola, foram preparados cerca de 22 mil hectares, nos quais se prevê cultivar 115 mil toneladas de produtos agrícolas diversos.

De acordo com Ana Paula de Carvalho, o investimento feito no sector agrícola junta-se aos objectivos do desenvolvimento sustentável, que consiste em erradicar a fome, alcançar a segurança alimentar, melhorar a nutrição e promover a agricultura, conforme a agenda 2030 das Nações Unidas.

Estiveram presentes na cerimónia os vices governadores da província de Luanda, administradores municipais, cooperativas dos municípios de Viana, Cacuaco, Icolo e Bengo, Belas e Quiçama, respectivamente.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia