Cultura

Literatura angolana presente na Feira do Livro de Havana

Francisco Pedro

Jornalista

Dezenas de livros de escritores angolanos integram o volume de obras literárias de 35 países que participam na 30ª edição da Feira do Livro de Havana, que decorre até sábado, na Fortaleza de San Carlos de la Cabaña, na capital de Cuba.

27/04/2022  Última atualização 10H25
Delegação angolana tem mostrado o potencial criativo literário nacional ao público na Fortaleza de San Carlos de la Cabaña © Fotografia por: DR

Neste 30ª edição, aberta no dia 20 deste mês, participam 300 convidados, naquele que é a maior actividade literária em território cubano. Este ano, o México é o país convidado de honra. A feira contou, na cerimónia de abertura, com a presença do Presidente da República de Cuba, Miguel Díaz Canel Bermúdez, e também da embaixadora de Angola em Cuba, Maria Cândida Teixeira.

Além do Presidente de Cuba, a cerimónia de abertura, ficou marcada com a presença de outros quadros de destaque, como o presidente da Assembleia Nacional do Poder Popular de Cuba, Esteban Lazo, o ministro da Cultura cubano, Alpidio Alonso, e a secretária de Cultura do México, Alejandra Frausto Guerrero, representando o país de honra.

Este ano, os livros de autores nacionais, do género romance, conto, poesia, ensaio e antologia, além de miniaturas de pinturas e peças de artesanato, foram destaques no pavilhão de Angola, numa das mais importantes feiras do livro do mundo.

A escritora e directora do Instituto Nacional das Indústrias Culturais (INIC), Domingas Monte,  e a directora da Biblioteca Nacional, Diana Afonso, testemunharam a cerimónia de abertura da feira.

Domingas Monte aproveitou a ocasião para fazer a apresentação do seu livro infanto-juvenil, "O sapo azul”. À margem da participação na feira, a directora do INIC visitou diversas instituições cubanas e manteve encontros com os directores destas, no intuito de reforçar e reactivar o intercâmbio e a cooperação cultural entre Angola e Cuba.

A organização decidiu que, em Maio deste ano, a feira vai percorrer, em regime itinerante, todas as províncias de Cuba, durante o Festival Nacional de Cultura.

Em 2013, Angola foi o país convidado de honra da 22ª edição da Feira do Livro de Havana, um convite que levou à Cuba mais de 100 angolanos, entre escritores, artistas de várias disciplinas,  agentes culturais, críticos de arte e jornalistas.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura