Sociedade

Lançada plataforma para facilitar adopção

O Instituto Nacional da Criança (INAC) procedeu, quinta-feira(30), em Luanda, ao lançamento do “Portal da Criança”, uma plataforma digital para a assegurar uma maior democratização dos procedimentos sobre a adopção de menores.

01/07/2022  Última atualização 09H10
Instituto Nacional da Criança © Fotografia por: DR

O referido site: portalcriança.gov.ao vai, ainda, permitir uma localização, em menos tempo e mais facilitada, dos centros de acolhimento de crianças e a reunificação familiar, como esclareceu o secretário de Estado para o Ensino Pré-Escolar e Primário.

Pacheco Francisco explicou que a plataforma digital vai dispor de uma lista de serviços existentes em prol da criança e da municipalização das acções de protecção ao menor, com destaque para o registo de nascimento, fluxos de atendimento à criança e estatísticas sobre menores vítimas de violência, entre outros.

No acto, que marcou o encerramento das Jornadas da Criança, sob o lema "Todos Unidos pela Protecção e Desenvolvimento Integral da Criança, Faça do Seu Município um Exemplo”, referiu que, durante o primeiro semestre deste ano, foram registados 522 casos de violência contra a criança, representando uma redução considerável de notificações.

O director-geral do INAC, Paulo Kalesi, esclareceu que "Portal Criança” não vai trazer qualquer interferência ao projecto "SOS 15015”, lançado, há dois anos, uma vez que ambos são ferramentas com diferentes funções.

O representante do  Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), Ivan Yerovi, pediu ao Executivo para ser mais prático no compromisso do combate à violência contra a criança.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade