Sociedade

Jornadas de campo do PREI foram ontem lançadas

O secretário de Estado para o Planeamento, Milton Reis, procedeu, ontem, ao lançamento das jornadas de campo do Programa de Reconversão da Economia Informal, PREI, no município de Cacuaco, em Luanda. Na ocasião, Milton Reis, sublinhou que esse programa do Executivo está a conferir cidadania económica aos empreendedores informais, pois dá à essa camada da população o acesso à capacitação, segurança social e microcrédito.

11/01/2022  Última atualização 08H40
© Fotografia por: DR
"O PREI não está apenas a dar documentos, o PREI está a dar cidadania económica aos empreendedores que operam na informalidade”, pois passam a ter acesso a um conjunto de serviços da administração pública. No mercardo do Kikolo prevê-se formalizar cerca de 18 mil operadores, uma vez que esta unidade está ligada ao mercado de Pangapanga do Município do Cazenga. Até ao momento o PREI já formalizou 46.811 agentes informais.

O vice-governador de Luanda para o Sector Económico, Lino Sebastião, apelou aos empreendedores a aproveitarem essa oportunidade, pois com a formalização abrem-se muitas outras portas para o crescimento dos negócios. Estas jornadas vão estender-se às províncias do Huambo e Bié, na segunda quinzena de Janeiro e para as províncias da Huíla e Benguela na primeira quinzena de Fevereiro, do ano em curso.

O PREI é uma iniciativa do Governo de Angola, levada a cabo por uma comissão multisectorial, coordenada pelo Ministério da Economia e Planeamento com o apoio orçamental da União Europeia e assistência técnica do PNUD.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade